Cinema com Rapadura

Crítica | Primeiro Ano (2018): estudo, renúncia, amizade e pressão

Um drama francês com um toque de comédia que vai lhe fazer repensar se realmente vale abdicar até sua própria sanidade mental para atingir o sucesso ou para viver um sonho que não é seu.

  domingo, 15 de setembro de 2019

Crítica | A Vida de Diane (2018): a efemeridade da vida

O estreante Kent Jones ao lado da já experiente Mary Kay Place traz uma mescla de ousadia com complexidade à trama. A efemeridade da vida é tratada de uma forma desconfortável, mas estranhamente cativante.

  sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Crítica | O Clube dos Meninos Milionários (2018): jovens, gananciosos e ousados

Com um elenco pesadíssimo, mas com um roteiro pouco trabalhado, "O Clube dos Meninos Milionários" ainda pode agradar quem gosta das histórias de lobos dos anos 80.

  terça-feira, 27 de agosto de 2019

Crítica | Tudo Acaba Em Festa (2018): a responsabilidade chega para todos

Com uma comédia clichê, abusando de esteriótipos ultrapassados ao mesmo tempo que tenta mostrar algo novo no cenário nacional, a obra promete tocar em temas importantes mas infelizmente não passa de citações supérfluas.

  sábado, 17 de agosto de 2019

Crítica | Kim Possible (2019): lutando com a vida real

Aprendendo a lidar com problemas de adolescentes, com um humor bobo e uma sensação nostálgica, Kim Possible se sai bem na sua primeira aventura live-action.

  terça-feira, 13 de agosto de 2019

Crítica | 45 Dias Sem Você (2018): tour do coração partido

Um jovem que acaba de ter seu coração destruído decide se curar com uma viagem por Inglaterra, Portugal e Argentina. Uma trama rasa, mas com atuações convincentes.

  sábado, 10 de agosto de 2019

Crítica | Os Papéis de Aspern (2018): o passado aprisiona

Tem coisas do passado que precisam ficar no passado ou simplesmente não querem sair de lá. Um longa mediano, salvo principalmente pelas atuações de Vanessa Redgrave e Joely Richardson.

  sábado, 03 de agosto de 2019