Notícias   quarta-feira, 10 de Janeiro de 2018

Todo o Dinheiro do Mundo | Mark Wahlberg recebeu $1,5 milhão por refilmagens, 99% a mais que Michelle Williams

Informações iniciais eram de que o elenco teria participado das refilmagens sem ganhar nada.

Todo o Dinheiro do Mundo | Mark Wahlberg recebeu $1,5 milhão por refilmagens, 99% a mais que Michelle Williams

De acordo com uma matéria do jornal USA Today, o ator Mark Wahlberg (“Pai em Dose Dupla 2“) recebeu US$1.5 milhões para regravar suas cenas no longa “Todo o Dinheiro do Mundo“, novo filme do diretor Ridley Scott (“Alien: Covenant“). A mesma matéria ainda afirma que Michelle Williams (“O Rei do Show“) recebeu apenas US$80 por dia, totalizando menos de mil dólares – 1% do total recebido pelo seu colega.

O filme precisou ter cenas regravadas em plena semana de Ação de Graças nos Estados Unidos por conta das diversas acusações de abuso sexual ao ator Kevin Spacey (“Em Ritmo de Fuga“), então escalado como protagonista do filme. Em seu lugar, foi convocado o ator Christopher Plummer (“Memórias Secretas“), indicado ao Globo de Ouro 2018 pelo papel. Dado o pouco tempo restante até a temporada de premiações norte-americana, o lançamento do filme a tempo de concorrer é tido como uma vitória.

O custo total do processo foi de US$10 milhões. No entanto, esta nova informação contradiz as declarações iniciais de Ridley Scott, que afirmou que tudo ocorreu de forma rápida pois “todos aceitaram fazê-lo sem nada em troca“. No entanto, Wahlberg recebeu US$1.5 milhão, sem que Williams estivesse a par. Ambos têm suas carreiras administradas pela mesma agência, a William Morris Endeavor.

Williams afirmou previamente ao USA Today:

“Quando fui contatada para participar das refilmagens, disse que estaria onde precisassem de mim, quando precisassem. E que poderiam ficar com meu salário, meu feriado, o que quisessem, pois eu realmente apreciava muito o grande esforço que todos estavam fazendo.”

A imensa disparidade entre os valores recebidos pelos atores chega em um momento delicado para a indústria do entretenimento, com a ascensão dos movimentos “Time’s Up” e “#MeToo“, que lutam para que mais mulheres tenham voz contra os assédios e abusos da indústria, e reivindicam oportunidades e pagamentos iguais para mulheres em relação aos homens.

“Todo o Dinheiro do Mundo” tem estreia prevista no Brasil para 1° de fevereiro de 2018.

Julio Bardini
@juliob09

Compartilhe


Notícias Relacionadas


  • Jhon Anderson

    É de partir o coração…
    Michelle é uma incrível, talentosa, e brilhante atriz.
    Sempre está lá, concorrendo como melhor atriz nas premiações, sendo humilde do jeito doce dele.
    E agora, a gente entende o por quê de ser essa atriz incrível! Michelle fez por realmente gostar do que faz, e tem total apreço e dedicação.
    E quando essa indústria machista e escrota da esse golpe em suas costas, parte o coração… Que triste isso, que triste…