Cinema com Rapadura

Notícias   sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Dance to the Streaming Music | Documentário sobre a banda Sly and the Family Stone será lançado em 2019

Há mais de dez anos em produção, o documentário também irá abranger assuntos atuais, como o consumo de músicas via streaming.

Dance to the Streaming Music | Documentário sobre a banda Sly and the Family Stone será lançado em 2019

De acordo com o Deadline, foi revelado que o documentário sobre a banda Sly and the Family Stone será lançado em 2019, após dez anos de produção. “Dance to the Streaming Music” irá focar no impacto da banda no nascimento dos gêneros de funk, soul, rock e música psicodélica, com entrevistas e imagens exclusivas da banda e de outros artistas.

Sly Stone, líder da banda, esteve recentemente em problemas legais e financeiros, vivendo em um estacionamento de trailers. “Dance to the Streaming Music” irá também abranger assuntos atuais, como o Ato de Modernização Musical, legislação americana sancionada em 2018 que moderniza questões relacionadas a direitos autorais devido a novas formas de tecnologia como o digital. Por causa disso, Stone teria direito a royalties do streaming digital de suas músicas. Sly and the Family Stone é considerado o primeiro grupo a ter uma formação multicultural, composta por homens e mulheres.

O documentário é dirigido por Brady Spensor, que conheceu Sly Stone em 2008, quando este concordou com a proposta do documentário por telefone. O filho de Stone, Sylvester Jr., foi quem juntou a dupla, pois já havia trabalhado com Spensor por cinco anos em outros projetos. O diretor deu alguns detalhes sobre o processo de criação do documentário:

“Quando eu fiquei grande o suficiente para alcançar o piano, acreditava que todos no mundo deveria fazer aquilo. Esse documentário é uma chance para compartilhar minha história com outros sonhadores. Demorou meses até que Sly se lembrasse do meu nome. Mas logo depois, eu recebia ligações a todo momento, dia ou noite. Foi em uma época muito difícil da vida de Sly. Eu me tornei seu amigo em seu momento mais baixo, sem dinheiro, e me sinto grato pela confiança de Sly e sua participação, me permitindo documentar o fim de uma espiral trágica, até a transição de Sly vencendo um grande processo que pode ter influenciado o Ato de Modernização Musical. Essa produção acontece há mais de uma década e ver tudo se encaixando é como um sonho se tornando real. O tempo que passamos juntos é estimado, e qualquer oportunidade de estar perto de Sly foi excepcional, e não trocaria por nada. Quando Sly finalmente conseguiu seus royalties depois de anos de estar sem dinheiro e sem um teto, meu coração aqueceu.”

Com o produtor Willem Alkema (“Delain: A Decade of Delain – Live at Paradiso“), a equipe gravou novas imagens de Sly Stone e de artistas que foram influenciados por sua músicas.

Winter State Entertainment será responsável pelas vendas globais, que no momento estão em fase de negociação a respeito da distribuição do filme em vídeo sob demanda.

Isa Madeira
@isabelapmadeira

Compartilhe


Notícias Relacionadas