sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

RapaduraCast 526
Refletindo sobre a Vida e Cinema

Fique a vontade para participar do nosso debate, porque aqui você sabe: "Assistir é apenas o começo"!

Aperte o Play para começar o RapaduraCast Aperte o para começar o RapaduraCast

1x 1.5x 2x
0:00:00

“Faça ou não faça. Tentativa não há”

Final de 2017. Um ano para muitas reflexões sobre a vida, sobre o Cinema com Rapadura, sobre a cultura pop e sobre nós. Um ano de muitas mudanças em nossas vidas. O que passamos? O que erramos? O que aprendemos? Nesse RapaduraCast de fim de ano, trazemos uma edição mais pessoal, um papo entre nós e você, ouvinte.

|| PARTICIPANTES
Jurandir Filho e Fábio M. Barreto

|| LINKS RELACIONADOS AO PROGRAMA
RapaduraCast 357 – A Vida Secreta de Walter Mitty
RapaduraCast 386 – Robin Williams #RestInPeace
RapaduraCast 427 – Divertida Mente! Obrigado #Pixar!
RapaduraCast 448 – Star Wars: O Despertar da Força
RapaduraCast 488 – A Chegada (Arrival)

|| ASSINE O RAPADURACAST
iTunes: Tem iPhone/iPad/Mac? Adiciona aí!
Android/WindowsPhone: Esse link é o do feed/rss do sucesso!

|| NOSSOS CONTATOS
WhatsApp: (85) 999 335 662
Youtube: RapaduraTV
Instagram
@cinemacomrapadura
Twitter: @rapadura
Facebook/cinemacomrapadura

|| CRÉDITOS
Edição: Joel Suke
Artes: Jurandir Filho

Compartilhe

Participantes

Fabio Barreto
Fabio Barreto
@fabiombarreto
Jurandir Filho
Jurandir Filho
@jurandirfilho

Ouça Também


  • Cópia do “Sobre o Fim” e “Sobre a Vida” do Canal42. Abs.

    • RapaduraCast é pai desses temas. Boa tarde.

      • Diogo Maia

        Patriarca Juras.

    • Alexandre de Paula

      RapaduraCast é pai de tudo e de todos

    • Antonio Junior

      Hahahah Ricardo sempre polemizando.

    • Gabriel Smithy

      RAPADURA RULES! ehehehheehueuheueh

    • Betotruco

      Pior que pode até ser… Hehehehe
      Mas o que é bom tem que ser propagado!

  • Alexandre de Paula

    É incrível como quando ouvimos vocês nos podcasts, criamos super heróis em nossas cabeças. Ficamos cobrando que saia os programas sempre nos dias certos, reclamamos nos longos intervalos, reclamamos da ausência de alguns participantes. Fazemos isso pois achamos que vocês tem que estar sempre bem, não enxergando os desafios, não enxergando os dilemas, não enxergando as situações que foram descritas.

    A imagem que eu tinha do Barreto era do cara que vive super bem em L.A., sempre em alta, ganhando rios de dinheiro com seus livros e trabalhos. E ouvindo seu relato, o admiro ainda mais pela persistência em lutar até vencer. E claro, desejo todo o sucesso do mundo pela frente.

    E Juras… fico extremamente feliz que suas forças estejam renovadas pra 2018. O Rapaduracast é meu podcast favorito, pois cinema é o que mexe mais comigo. São incontáveis as vezes que chorei como criança ouvindo vocês, que são meus maiores professores sobre o espetacular mundo do cinema.
    Estou meio cansado de ler, ouvir e assistir pessoas falando sobre filmes na internet, mas tratando apenas como um produto a ser avaliado. Vocês enxergam as obras cinematográficas com muito coração, e ainda sem deixar de lado os aspectos técnicos.
    Esse podcast não pode acabar!

    Acompanho você no Youtube, Canal42 e 99vidas também! E se lançar mais algum trabalho, certamente estaremos ali.

    Que seu 2018 seja repleto de bençãos, novas conquistas e muita força pra alcançar todas suas metas!

  • Arthur Novato

    que podcast bonito… obrigado, animaram meu dia.

    Feliz 2018 a todos! Abraços.

  • Victor Hugo De Paula

    Faz consideravelmente pouco tempo que cai de cabeça no mundo do cinema, assisti muitos clássicos e grande quantidade de filmes, acompanhava o podcast do jovem nerd e alguns canais de critica no youtube, mas foi só na hora que conheci o rapaduracast, a mais ou menos 1 ano, que descobri o lugar certo quando o tema é cinema, pois vocês tem o conhecimento técnico, a paixão, e transmitem emoção por cada filme que falam.
    Gostei muito desse rapaduracast pela sinceridade e pelo sentimento, acho que esse é o caminho para curtir a vida (e o cinema) mais e mais, pois cada filme tem um significado diferente para cada pessoa, assim como o Jurandir adora o filme do Walter Mitty, e eu gosto muito de Batman v Superman por exemplo, as pessoas tem que aprender a apreciar o seu filme e se respeitar mais, pois a magnifica sétima arte tem espaço pra todos.
    Continuem com esse maravilhoso podcast e também com o canal do Youtube que melhora a cada dia, que em 2018 vocês sigam falando do mundo espetacular do cinema!

  • Otávio Barros

    Lembro demais do programa do Walter Mitty. É um dos meu preferidos. Esse último programa do ano é uma reflexão muito foda. Parece q tava conversando com vcs. É muito bom essa reflexão de fim de ano. Aceitar o final e início de ciclo é bem interessante. Jurandir parabéns pela garra. Você tem um coração enorme cara. E gente. Virou para 2018. Vamos nessa. Pé no chão. Eu deixei de ir com essa coisa de próximo ano vai ser foda e tudo mais. Não. Vamos dia a dia. Um dia de cada vez. Com calma. Parabéns pelo trabalho da equipe.

  • José Neto

    Esse podcast acalmou meu coração. Fim de ano é ralado. Obrigado.

  • Arthur

    Conheci o rapaduracast naquele programa sobre o jovem clássico Prometheus. Fui capturado na hora pela simpatia da equipe rapaduriana e desde então o cast se tornou um amigo pra mim. Se hoje sou fissurado em cinema devo muito a vocês. Foi todo um universo que se abriu para mim, carregado de histórias e emoções que me fizeram evoluir.

    Confesso que já fui mais frequente por aqui, não tenho mais o tempo que eu tinha na época de faculdade, onde eu devorava as edições antigas por horas. Mas sempre que possível, gosto de voltar a este velho amigo e escutar o que ele tem a dizer. É quase uma terapia, um refúgio onde posso rir e me emocionar.

    O podcast tem um tom intimista e um poder de impacto nas pessoas que nenhuma outra mídia tem. Acho isso por si só um elemento de motivação pra vocês continuarem com o trabalho. Fora que ajuda a catequizar uma geração na sétima arte e a formar pessoas mais críticas, algo tão necessário ao nosso país.
    É claro que as pessoas são sucetíveis a mudanças, não os culparia se resolvessem acabar com o programa. Mas se isso acontecer, vou perder um amigo.

    Bola pra frente rapadura! Um feliz ano novo para vocês! Sou um fã do trabalho, seja aqui, seja no YouTube, seja qual for a mídia. Foi um bom programa, quase um arquivo confidencial estilo Faustão com o Barreto. hehe

  • Diogo Maia

    Rapaduracast semanal é Rapaduracast raiz, rapaz!

    Podcast sensacional e como se não bastasse o tema emotivo do programa ainda colocam Into The West na trilha sonora. Quase que suei pelos olhos aqui.

  • Fellipe Borges

    Eu amo vocês.
    Eu os acompanho há 10 anos. Obrigado pelo trabalho que fazem.

  • Sauro

    Meu Juras você tá trabalhando demais esse ano, primeiro eu queria deixar um elogio por isso, nas últimas 36 horas, saíram 3 podcasts seus, e deve ter saído algo no Youtube ainda, e estamos falando da última semana do ano.

    Então, fica o meu parabéns, vou ver e ouvir tudo!

    E sobre ficar cansado, eu como público estou EXAUSTO do que hollywood tem feito, mas sobre o Rapaduracast… A vocês são incríveis, lembra do podcast de Moonlight??? Que podcast MARAVILHOSO.

    Essa semana mesmo, saí com uma amiga e o primo mais novo dela foi junto, o rapaz tinha recém assumido que era gay no Natal, e graças a esse podcast, eu entendi a importância e a dureza do que ele tinha acabado de passar na vida, que como heterossexual normalmente seria difícil de entender.

    Acho que uma coisa que aproxima as pessoas como seres humanos, nesse nível, só pode ser muito boa Juras, teu trabalho é incrível, um feliz 2018!

    • Adriano Marinho

      Junto ao do Moonlight, adicione o podcast sobre Arrival. Grandes reflexoes sobre a vida e cinema. Por favor, diminuam o ritmo mas tentem nao parar 🙂

  • Katia Barga

    Impressionante o coração de Ouro do Jurandir! Amo ouvir voces falando sobre cinema, mas também amo.ouvi Los falar sobre qualquer coisa. Obrigada pelos episódios incríveis do rapaduracast e do rapadura no YouTube que sou fã demais também. Ouvi há alguns anos e é como ouvir queridos amigos falando comigo. Desejo todo sucesso do mundo, espero ouvi Los e vê Los por muito anos ainda!

  • Katia Barga

    E que ricas as falas do Barreto! Especialmente sobre as experiências e sobre as crianças. Que conversa memorável! <3

  • Alex Ferreira

    Ótimo programa. Juras, esse programa e o último do Canal 42 foram inspiradissimos, continue esse ótimo trabalho sempre.

  • Paulo Neto

    Se disser que esse Obstacles no início não foi por causa de Life is Strange mentiu.

    • Boo Mesquita

      cara fiquei com um sorriso enorme já no início! <3

  • Adriano Marinho

    Que conversa honesta e maravilhosa, me identifiquei tanto com a parte da estafa do Jurandir quanto a parte da mudanca de profissao do Barreto. Obrigado por esse cast. Abs

  • Daniel

    Faz pouco tempo que o Jurandir participou de um programa também com algumas reflexões, mas impressionante como fizeram esse programa e me identifiquei ainda mais. Foi muito bom estar aqui olhando umas coisas, ouvindo o podcast e refletindo sobre a vida.

  • Rafael Guimaraes

    Ótimo cast Juras, muito bom ouvir alguns como esse e o último 42. Fiquei muito feliz em ouvir vc falar que tá animado e o rapaduracast voltará com força total, Youtube é legal, mas não dá pra se aprofundar nos temas e não dá pra ouvir na rua e fazendo os deveres de casa. Feliz 2018 pra toda equipe. Abraço.

  • Boo Mesquita

    Podcast maravilhoso que já abriu com Obstacles e me lembrando de outro momento de reflexão, que foi jogar Life is Strange…incrível, parabéns pelo papo honesto e pelo trabalho inspirador <3

  • Boo Mesquita

    Vocês conseguiram juntar todas as músicas inspiradoras dos melhores filmes e juntar tudo num bate papo maravilhoso…menção honrosa para Into the West do Retorno do Rei <3

  • David willians

    Sempre é bom um bate papo mais reflexivo a vezes. E uma ótima trilha sonora

  • Tiago Farias

    Ainda bem que o Jurandir não desistiu, o Rapaduracast já faz parte da minha vida, e perder esse podcast seria complicado. Têm tantos programas especiais que gosto de ouvir novamente, além dos novos a cada semana, às vezes a espera é um pouco maior, mas sempre espero pelo programa ansiosamente, o Rapaduracast é provavelmente a mídia que mais consumo nos últimos anos.
    Sobre a relação Podcast e Youtube, resumo da seguinte maneira: o Podcast me levou até o Youtube, mas o Youtube não me levaria até o Podcast, simplesmente por um motivo, porque ouço o podcast para ouvir sobre determinado filme, mas principalmente gosto de consumir para ouvir a opinião das pessoas que aprendi a gostar. Os participantes do Rapaduracast são mais importantes pra mim do que qualquer filme, por isso que ouço todas as edições, mesmo quando se trata de obras que não me atraem.
    No Youtube, apesar de estar presente o humor e o conhecimento, acaba sendo mais superficial, por serem programas mais curtos. No Podcast é diferente, temos a possibilidade de conhecer o ponto de vista e a personalidade de cada participante, e é por isso que ele se torna tão especial.
    Agradeço pro Jurandir e pra todos os componentes, aqueles que já passaram, aqueles que continuam, aqueles que saíram e voltaram, e aqueles que ainda estão por vir, por manter viva a história do cinema, e também a história tão bonita do Rapaduracast.
    E Jurandir, ouça o conselho de quem tem um cotidiano considerado “normal” de trabalho: a vida não tá fácil não, além de ter que conquistar os clientes dia a dia, ainda há a possibilidade de perder o emprego, mesmo com anos de trabalho, em virtude da recessão. Por isso fico feliz de tu ter recuperado a vontade de fazer esse programa tão legal. Valeu! Longa vida ao Rapaduracast, pra mim o melhor podcast da podosfera brasileira.

  • Lucas Sampaio

    ja há alguns anos acompanho o Cinema com Rapadura, porem nunca comentei, e depois desse cast eu e senti na obrigação de comentar.
    é obvio oque irei falar, mas vocês não falam so de cinema, falam tambem da vida (ou so de cinema…. sendo que cinema é vida?)

    foram tantas coisas que vocês me fizeram pensar sobre minha vida que fica ate dificil falar de todas elas….. mas é uma verdade isso que vocês fazem muda vidas…. não so escolha profissional, mas escolhas pessoais tambem.

    Barreto, foram muitas vezes que ouvindo esse cast me deu vontade de levantar e te dar um abraço…. saibam que vocês (isso te inclui Jurandir) tem muitos amigos anônimos, pois muitos de nos torcemos por vocês…. ate mesmo os que nunca comentaram (que era o meu caso ate o momento).

    Um abraço apertado nos dois

  • Se o Fabio Barreto já filosofa quando com pouco espaço, imagina nesse episodio? KKKKK

    Muito legal, parabéns.

  • Antonio Junior

    Esse estilo de cast é o meu preferido do Jurasverso. Maravilhoso. Parabéns.

  • Thais Mendonça

    Uma das coisas que me conquistou em relação ao RapaduraCast foi o formato simples e a mistura cultural dos integrantes.
    Era divertido ouvir o contraste do sotaque do Jurandir com o sotaque do Maurício ou do Juca.
    Foi gerado um sentimento de cumplicidade, como se estivéssemos bem perto, ouvindo um grupo de amigos conversando sobre temas que amávamos.
    Acompanho o grupo e suas transformações há dez anos e confesso que diminuí o acompanhamento devido a algumas mudanças e que para mim, particularmente, perderam o sentimento nostálgico que cada edição despertava.
    Não estou criticando as mudanças, que são importantes, eu mesma mudei nesse tempo também, mas entendo os sentimentos descritos pelo Jurandir, quando pensou em desistir. É algo comum a todos nós. Como também entendo as pessoas que o abordaram na CCXP expressando o quanto gostam do RapaduraCast e do seu formato original.
    Uma coisa que o Barreto mencionou a respeito dos integrantes do grupo (como influenciadores), foi que, através de vocês o Memórias de uma Rapadura nasceu. Tomei a liberdade de escrever um livro homenageando as pessoas que me acompanhavam no caminho do trabalho e até no trabalho. Pessoas que me apresentaram diretores e filmes maravilhosos. Pessoas que me contaram como se sentiram a respeito de determinados filmes, cujos sentimentos pessoais eu compartilhava. Pessoas que expuseram seus medos e fraquezas nos fazendo lembrar o quão normais somos e que não estamos imunes aos acontecimentos pertinentes a todo mundo.
    Foi o não desistir que continuei correndo atrás dos meus sonhos por saber que pessoas como vocês também corriam atrás dos seus.
    Mesmo chegando aonde chegaram, sou uma apaixonada pelo formato simples e nostálgico do RapaduraCast. Sinto saudades de ver o grupo Jurandir, Tiago, Affonso, Juca e Maurício reunidos. Foi o grupo que me ajudou bastante.
    Tive a oportunidade de conhecer a maior parte pessoalmente e sinto orgulho por ter visto tudo acontecer, mesmo que através dos áudios.
    Desejo todo sucesso e que continuem a fazer o que amam, isso é importante. Espero poder reencontrá-los em algum momento.

    Obs. Teve um programa que foi apresentado pelo Maurício e o Tiago. O Jurandir não participou. Foi um das edições rápidas, de notícias, não lembro o número. Mas teve.

    Fiquei muito feliz em escutar esta última edição de 2017. E não poderia passar sem registrar todo meu carinho e respeito a vocês.
    Um abraço a todos. Fiquem com Deus.

    • Resita

      Copie aqui para assistir Negative >>>>> YESMOVIETV.BLOGSPOT.COM

    • Alexandre Horbach

      Eu sinto muita falta do Maurício. Fico muito triste de ele ter abandonado o cast.

  • Stéfani

    Ouço o Rapaduracast desde 2009 ou 2010, não me lembro bem, mas estava no começo da faculdade de Rádio e TV e estava começando a ouvir sobre podcasts. E o rapadura foi o primeiro podcast que comecei a acompanhar e até hoje é o meu favorito! Adoro o formato bate-papo…faz o ouvinte se sentir parte de uma roda de conversa entre amigos. Portanto, não acabem com o Rapaduracast, por favor! Vcs fazem parte do meu cotidiano…

  • Paulo B

    Grande Juras, seu trabalho é excelente. Continue usando sua grande influência para indicar não só ótimos filmes, mas ótimas HQs, mangás, séries, livros, o que for. Seu trabalho é mais do que entretenimento, é cultura.

  • Carolina Gabardo

    Eu adoro os podcasts do Rapadura! Aprendi a ouvir podcasts sobre cinema com o Cinema em Cena, e quando acabou lá, ouvi diversos podcasts na rede, mas somente esse aqui está nos meus favoritos, e eu aguardo ansiosamente os próximos! Me deu uns 10 tipos de medo quando o Juras falou que estava cansado de fazer o podcast… Mas que bom que já passou!!! Hehehe. Obrigada por todos os programas! Vocês vão fazer aquele programa tradicional dos melhores e piores filmes de 2017? Super abraço e um 2018 ainda mais incrível pra todos vcs!

  • Reginaldo

    Sou ouvinte antigo e digo: e apesar de nunca te-los visto são meus amigos, muitas gente agora falando de cinema e critica e tal filme!!!!… mas tenho que ouvir vocês, quero ouvir meus amigos sobre esse filme!!! queria agradecer muito pelo o trabalho que fazem me acompanhou e me acompanha ainda em minha viajem, tenho inúmeras coisa pra falar aqui sobre sobre o Amor que sinto pelo cast!!!!…que SAUDADES do Mauricio Mau Saldanha!!!! Parabéns juras mais uma vez fazendo o o cast com o coração!!!!…. fiquei bastante preocupado sobre o fim do cast!!! amigos Rapadurianos MUITO GRATO por todos esses Anos de alegria, emoção que nos proporcionaram, Deus os Abençoe Poderosamente!!!!

  • Cicero Ricardo

    Olá galera, tudo bem?

    Então Sr. Jurandir, apesar de não fazer parte do público por mais velho fico contente toda vez que vejo a notificação de uma novo episódio. Apesar dos quase 52 anos me apóio muito neste podcast para ter momentos felizes mesmo, tem vários episódios que estão nos meus favoritos que já ouvi várias vezes. O Barreto me apresentou uma música que entrou para lista de músicas da minha vida. Então finalizo este comentário agradecendo e dizendo que não imagino meu dia a dia sem o Rapaduracast.
    Abraços.

  • Artur ABC

    Parabéns!! Foi edificante! Obrigado!

  • William Martins

    Melhor Rapaduracast dos últimos anos. Obrigado Jurandir! Obrigado Barreto!

  • Mr White (Luis Mendes)

    Acompanhando vocês – Esse time maravilhoso, Jurandir, Siqueira, PH, Juliano, Barreto, Mauricio – a anos, sem qualquer tipo de arrependimento. Mesmo que hoje meu tempo esteja curto, bem diferente do meu antes, hoje com trabalho, faculdade, os amigos e os cursos, sempre eu encontro UM DIA pra transformar o Rapaduracast em uma série e maratonar os casts perdidos. Enfim, o que vocês fizeram a min foi bem além de aprender mais sobre cinema. Continuem com o excelente trabalho de vocês.

  • Programa incrível! Foi muito positivo.

  • Caras, seis são de+++! Tava sentindo falta do Barretão nos casts 😉 tomara que ele possa participar mais em 2018.

  • Betotruco

    Ótimo cast (na vdd um bate papo) entre vcs e nós!!
    O Barreto faz falta pra caramba!!
    Um cara conciso, coeso e com uma experiência de vida e profissional que soma e muito a cada cast de que participa!! Que história!!
    Já o Jurandir é aquele que cara bem acessível (morando aqui é mais fácil né Barreto! Rsrsrarsrs) camaradão e que vc leva de boas pra tomar uns sucos e pra passear por aí!
    Que dupla!!
    Feliz 2018 a todos vcs e vida longa ao Cinema com Rapadura!!

  • paulo

    Jurandir filho show de bola esse cast!!! parabéns a você e a equipe toda sou ouvinte a muito tempo!!!!…gosto de mais do jeito que falam de cinema!!!…teve uma época que rir muito com Mau Saldanha!!!! se ate o PH voltou, ta na hora de o O Mauricio fazer o mesmo!!! ate fazer uma participação aqui acola!!! fiquei muito puto com aquele lance do Mau com Pablo Villaça pra mim foi ele que melou tudo, e aconteceu
    a saída do mau da equipe!!!, e isso mesmo pra frente rapadurianos!!!!

  • Eduardo Saunders

    Que papo bacana e que trilha perfeita para o assunto! Podia disponibilizar ela no Spotify! !!!