segunda-feira, 03 de agosto de 2015

RapaduraCast 432
O que aconteceu com os irmãos Wachowski?

Analisamos a carreira dos criadores da franquia "Matrix".

Aperte o Play para começar o RapaduraCast Aperte o para começar o RapaduraCast

1x 1.5x 2x
0:00:00

Os irmãos Andy e Lana Wachowski explodiram em Hollywood quando criaram um dos maiores fenômenos da história do cinema: Matrix. Após o fim da trilogia, muito se perguntou qual seria o futuro dos diretores. A expectativa por cada novo projeto era muito grande, mas os fracos resultados em bilheteria e em filmes bem abaixo da média, fizeram com que os irmãos fossem perdendo o prestígio. Será que eles só acertaram uma vez? A entrada no mercado dos seriados foi a redenção para eles? Vamos lá discutir!

|| PARTICIPANTES
Jurandir Filho, Thiago Siqueira, Raphael Draccon e Ricardo Rente

|| CANAL42.TV | PODCASTS RECOMENDADOS
Canal42 02 – Game of Thrones [Introdução e Temporadas 1, 2, 3 e 4]
Canal 42 05 – Baixar Séries é Pirataria?
Canal42 11 – Dragon Ball
Canal42 15 – Sense8 [Temporada 1]

|| QUER SABER AS MÚSICAS TOCADAS?
Siga a playlist do RapaduraCast no Spotify

|| ASSINE O RAPADURACAST
iTunes: Tem iPhone/iPad/Mac? Adiciona aí!
Android/WindowsPhone: Esse link é o do feed/rss do sucesso!

|| NOSSOS CONTATOS
Youtube: RapaduraTV
Instagram
: @cinemacomrapadura
Twitter: @rapadura
Facebook: /cinemacomrapadura
E-mail: rapaduracast@cinemacomrapadura.com.br

Compartilhe

Participantes

Jurandir Filho
Jurandir Filho
@jurandirfilho
Raphael Draccon
Raphael Draccon
@raphaeldraccon
Ricardo Rente
Ricardo Rente
@ricardorente
Thiago Siqueira
Thiago Siqueira
@ThiagoSiQueiraF

Ouça Também


  • Filipe Dos Santos

    opa

  • Dr Maurrattan

    Acho que o problema é que eles passam a impressão de que não sabem contar uma história sem querer evangelizar sobre algum conceito (que geralmente é bom), aí vem uma quebra de ritmo que torna a obra em si chata, assim estragaram Matrix, depois fizeram V de Vingança, Cloud Atlas.
    As exceções foram Speed Racer, que até gosto porque é um filme leve e Destino de Jupiter, que é ruim de doer a alma porque já começa mal.
    O primeiro filme deles, Ligadas pelo Desejo, eu vi ainda nos anos 90 mas confesso que não lembro mais como é, só o pôster.
    Sense 8 desanimei de ver pela equação dos motivos acima + fãs da série na internet >= meu tempo livre.
    Mas vamos baixar o cast!

  • Julio Cesar Soares

    Até aqui esse tal de Ricardo Rente…puts

    • Roberto L. Silva

      acho que ta na hora do abaixo assinado pra o cara sumir de vez.

  • Thiago Arruda

    Eu baixei o RapaduraCast no dia da publicação!!! o/

    Expliquem essa ateus!

    • Eis o mistério da fé! Oremos todos juntos!!!

      • Thiago Arruda

        É pra glorificar de pé!

  • Lucas Vinicius

    Eu GOSTO DE SPEED RACER!!!E ODEIO THE LAST AIR BAND!!!!!!

    • LUNATIC

      O filme de Speed Racer é bom demais, pessoal que não gosta nunca viu a serie original.

      • Roberto L. Silva

        opa, compartilho da mesma opinião.
        não sei o que esperavam da adaptação daquele anime maluco, onde os caras corriam ora com carros de 3 rodas, piloros robos assassinos controlados por um moleque e até mesmo um carro maior que um trem!
        eu acho o filme super honesto.

  • André Luis de Souza

    Esse Ricardo Rente era a tal “volta” que o Jurandir mencionou no facebook, e eu na esperança de ser o MAurico Saldanha eu e mais uma galeraaa! #VoltaMau

    • Como eu posso ter voltado se nunca participei, mano? Hahahha aguarde e confie

      • André Luis de Souza

        Ricardo perdão vou escutar e te conhecer! não sou um desses hater babacas por ai não o que acontece é o seguinte, o Mauricio foi o cara capaz de me fazer gostar ainda mais de cinema do que eu já gostava! não tenho nada contra você nem ninguém! só a esperança de que um dia ele volte! Um forte abraço e sucesso em sua caminhada como “Podcaster!”

    • Marcelo Luiz Paz

      Mauricio não, pelo-amor-de-Deus…

      • Raz

        Acho o mauricio tão importante pro rapadura como o mario abbade foi pro nerdcast…

        Mau é um cara bacana, mas precisa amadurecer e aprender que não da pra ganhar no grito

  • Alexandre de Paula

    Pô, deu uma impressão que vocês não gostam do Assassinos =/ Acho aquele filme tão bacana… [editando]

  • Migs

    Porra fiquei empolgado com o tema… ai escuto a voz do Ricardo Rente. ¬¬

    • Roberto L. Silva

      kkkkkk, ainda bem que vi o nome dele antes de baixar, assim me polpei.
      canal42 eu desisti de ouvir por conta dessa mala.
      creio que muita gente já fez isso, ou ainda vai fazer.
      ta na hora do juras procurar outro cara pro lugar dele, o maluco é insuportável, e agora vem cagar no rapadura…

  • Rodrigo Deway Bacelar

    Mais um cast para o Ricardo Rente falar mal de Sense8? 😀

  • Ricardo Rente, nosso querido desistente conhecido!!

    • Jefther Barbosa

      Aqui jaz Ricardo Rente, Desistente Conhecido!

  • Moroni Machado

    Parabéns ótimo podcast.
    Jurandir vai ter uma biografia do Paul Andersen?

  • Carlos Souza

    Cade o #Sense8 na capa ?

  • Bruno Costa

    Infelizmente não pude participar desse cast…foi uma discussão muito boa!! Parabéns aos meus camaradas de Canal 42 Ricardo e Juras pelo programa! Ficou muito foda!

    • Roberto L. Silva

      pô Bruno, antes você que o chato ai do seu “parceiro”. rs

  • HUEHUEHUEHUHEUHEUEH

    Cara eu assisti sense8 os 2 primeiros eps e desisti, a gelera fala que é muito bom mas em que momento se torna bom? Sense8 tem um conceito muito maneiro, compartilhamento de experiencias e isso me levou a assistir o seriado, mas quando isso chega a mim cara? Acho que o que segura uma obra até o climax dela, que acontece aquela explosão loca de acontecimentos (tipo a morte do ned no GOT) é a contrução de personagens, o quão eles são interessantes, e o sense8 é cheio de clichêsões, a mina homosexual que é discriminada por ser uma homosexual que não é homosexual (-q), o africano que é um fudido e tem que trabalhar como um condenado pra comprar remédio pra mãe doente, o poliça revoltado viciado em adrenalina, toda essa discussão em 2015 pra mim já ta batida, depois de game of thrones, house of cards, sherlock, me parece que sense8 é um seriado ultrapadíssimo, é sim tecnicamente um dos melhores, mas a historia, pelo menos no ponto em que eu parei, é mais do mesmo, não vou assistir 1023912039 episodios pra 2 ou 3 serem bons.

    • Lucas Dias

      to contigo.. desisti nos primeiros…

    • Rodrigo Deway Bacelar

      A história até o final da temporada meio que não chega a lugar algum.
      O que faz boa parte das pessoas gostarem da série, e me incluo nesse grupo, é você se importar com os personagens. A construção das relações entre eles é muito boa e vai melhorando a partir de momento que um vai “invadindo” a vida do outro e partilhando experiências.
      Acho Sense8 não tem nada de ultrapassado, pois lida com questões super atuais de maneira natural e objetiva.

      • HUEHUEHUEHUHEUHEUEH

        Tipo não falo ultrapassado em sua temática, mas esses esteriótipos juntando essa construção de narrativa meio sem rumo que o seriado fincou seus pilares, sei lá, não me agradou, eu voltei a assistir o seriado depois desse podcast, e confeso que consegui enchergar mais qualidades nele, esses lances das conexões e sentidos compartilhados é de verdade muito maneiro mesmo, em especial aquele momento em que todo mundo começa a cantar whats up, e a trepada coletiva, cara, essas cenas valeram o seriado inteiro, mas mesmo assim eu não consegui deixar de sentir que o seriado é muito simplista, senti que ele mais se apóia em sua polêmica do que no enredo em si, tipo “olha temos travestis lesbicos que sofrem preconceito e atores gays”, se tirasse isso sense8 seria só mais um seriado qualquer, é essa tecla que eu bato, não gosto de seriados que se apoiam apenas em sua tematica, gosto de experiências narrativas completas, e mesmo tendo gostado de episodios soltos do sense8 ainda mantenho a minha critica, me parece ser um seriado ultrapadissimo.

        • Rodrigo Deway Bacelar

          O seriado divide muito opiniões. Se os personagens não te cativarem, que foi o que ocorreu comigo, dificilmente você vai gostar da série, pois apesar do storytelling diferenciado, as tramas às vezes são bem genéricas e a premissa, que é bem interessante, nunca é explorada o suficiente.
          Eu também gostei muito da direção dos Wachowskis. Algumas cenas são inspiradíssimas, como a celebração à Ganesha, o parto “coletivo” e as cenas de ação do Wolfgang e do Capheus.

    • Lucas

      A série é isso mesmo até o final, vc assiste os episodios e sente que não tem história, parece que não acontece nada, mas existem momentos legais. É a série mais irregular que já vi.

    • andrecatapan

      Eu desisti depois do primeiro episódio. A melhor definição que eu li sobre Sense8: a “Série-TEXTÃO”.

    • Like a stone[r]

      Assisti três episódios, tbm não me empolgou não. Tinha muita coisa me incomodando na serie, mas eu relevava pois tinha dois personagens que eu me interessava em ver no que daria; O garoto russo e o ator. Mas o fim do Epi 3 foi muito mal feito, coisinha de imaginação de adolescente pretensioso, uma virada que seria um ponto alto da serie foi na verdade (pra mim) o ultimo prego do caixão. Nao foi dessa vez que uma seriezinha feita pra agradar o jovensinhos hip do Thumblr emplacou.

  • João Artur

    https://www.youtube.com/watch?v=Njzfvg9JuUA

    Fui atrás um pouco dos irmãos, e descubro este vídeo. Eles próprios assumem que o Cloud Atlas é complicado e tal, hehehehe.

    • Bizarro. Deve ser difícil vender um filme que nem você sabe explicar direito. hauahauaha

  • Vitor Urubatan

    Opa, opa.
    Revisitando o Rapadura depois de alguns filmes que ainda não assisti.
    Bora ouvir!

    • inuyashagui

      – Ooooo! Vc por aqui?
      – Vim lhe trazer esse humilde presente!

      • Vitor Urubatan

        – Não quer entrar e tomar uma xicara de café?

        • inuyashagui

          – Não seria muito incomodo?

          • Vitor Urubatan

            Rsss melhor parar por aqui, já que não me sinto a vontade no papel de “Dona Florinda” né velho. Não combina rsss.

          • inuyashagui

            hahahahahah achei que vc ia cair nessa!

  • Lucas Dias

    Matrix 1 foi um golpe de sorte dos criadores…

    • Dr Maurrattan

      Foi oportunidade. Porque o filme é muito bom visualmente, tem personagens carismáticos, boas falas de efeito(“Mr. Anderson…”, “Follow the White Rabbit”, “Wake up Neo”) e saiu na época do medo dos anos 2000. No mesmo ano teve o 13° andar que achava tão bom quanto naquela época, mas ficou marcado como cópia porque ninguém sabia que era baseado num livro da década de 60, Simulacron 3.

      Hoje 13° andar envelheceu mal, mas o Matrix original continua instigante.
      No geral os brothers Watchow me cansaram um pouco, ainda vejo algo deles com curiosidade por causa de Matrix e eles são bons em Marketing, mais que tudo.

      Mas enquanto diretor com pegada Sci-fi que faz pensar bem, prefiro o Andrew Niccol de GATTACA (ainda me empolga), Show de Truman (Incrível) e Senhor das Armas (Filme que consegue colocar toda a carreira dos brothers no bolso). Claro que o Niccol fez bombas, como a Hospedeira , mas acho a carreira dele mais honesta e com filmes melhores, além de ser um só. 🙂

      • Lucas Dias

        Um dos filmes na “Pegada Matriz” mas que veio antes foi o “Cidade das sombras” que acho muito maluco a ideia, mas bem intrigante.

        • Dr Maurrattan

          Parece um filme bom, bem cotado inclusive e vou ver com certeza.
          Acho que o fator visual foi bem diferenciado em Matrix, todos esses filmes pré-matrix e contemporâneos tinha um visual meio noir ou de cidades destruídas com gangues bizzaras (ex.: Johnny Mnemonic). Matrix era mais cyberpunk com um jeitão bem anime/manga até nas roupas dos personagens. Tinha um visual meio clubber dark que já começava a virar tendência desde Blade(1998) e o fator música com Rage Against, Prodigy e etc conversava com o público mais jovem. O inimigo direto era a visualmente uma representação da polícia e dos adultos formais, com seus empregos quadrados mas mesmo assim era cativante, graças ao Hugo Weaving que foi um achado.

    • Bunitinho mas Ordinário

      O primeiro filme deles (Ligadas pelo desejo), tinha baixíssimo orçamento e mostrava que eram jovens diretores muito promissores . Isso se provou com Matrix, mas depois acho que aconteceram varias mudanças na vida deles , a expectativa e o investimento cresceu demais , a coisa desandou e não deu mais certo, infelizmente.

      • Lucas Dias

        Pois é.. parece que aceleraram demais na viagem.. ai o que era Vanguarda ficou “louco demais”

  • Lucas Dias

    Falando em “referências e influências…” OS “Irmãos” não foram processados por plágio em Matrix?? alguem sabe no que deu? se procedia a acusação.

    • Dr Maurrattan

      O Juiz deu improcedente. O roteiro do alegante tinha um agente da CIA que ia tentar matar o Hitler reanimado por criogenia, no futuro.

  • Bunitinho mas Ordinário

    Essa é a pergunta que não quer calar. O que aconteceu com esses fila da égua ?

  • Rafael

    Vejo o pessoal aqui criticando o Ricardo Rente, mas acho isso meio estranho. Quem é ouvinte antigo vai se lembrar que muita gente criticava o Mauricio saudanha, e agora ficam pedindo para ele voltar. Memória curta da galera.

    • Roberto L. Silva

      eu por exemplo não sinto falta, mas o Saldanha era bem menos chato que o Ricardo, que alias é o motivo de eu não ouvir o casta dessa semana.
      quando vi o nome do cara, já desisti de baixar. rs
      sinto falta do PH, ele tem participado pouco dos casts, uma pena.

  • Henrique Tavares

    Não sabia desse lado dos Wachowski de culpar a indústria e qualquer outra coisa menos a si próprios pelo fracasso dos últimos filmes. É um argumento tão ridículo que isso DEVASTOU a admiração que eu tinha por eles.

    • Rafael Almeida

      ohhhhhh peninha

      • Henrique Tavares

        (y)

  • Guilherme Oliveira

    Juras, achei Ghost in The SHell em um supermercado! Comprei no mês passado.

    • Sérgio Rodrigo

      Um tempo atras vi vendendo nas Lojas Americanas, mas tava sem money pra levar kkkkkkk

    • Isso é muito bom! Ele foi lançado em Blu-ray aqui, mas na maioria das lojas está esgotado.

  • Com certeza Sense8 foi a melhor coisa que eles fizeram depois de Matrix!
    Que venha a Season 2 de Sense8 o/

  • Poxan gostei tanto de Cloud Atlas…
    Impressionada que não arrebatou tanto assim.
    Eu ainda ficou emocionada toda vez que toca a trilha sonora.
    E preparada pra ver sense 8 agora!!!

    • inuyashagui

      Eu também adorei Cloud Atlas!

      • João Vivas

        Discordo das críticas a respeito de Cloud Atlas. É um filme fantástico e um dos melhores filmes já feitos na história do cinema. É um filme extremamente injustiçado pela crítica e que aborda diversos conceitos interessantes e histórias muito bem trabalhadas.

        • Você colocou em palavras muito bonitas o que eu sinto pelo filme.

    • Concordo com a trilha sonora. Realmente é muito boa 😀

  • Julio Garcia

    Speed race é o filme que mais se aproxima de um desenho em live action em minha opinião, dentre as varias adaptações do mercado… Eu não gostei, porem temos que admitir que se a intenção foi realmente essa, eles conseguiram acertar em cheio no tom do filme.

    http://dc592.4shared.com/download/_ZV6CUJrba/Comercial_original_utopia_pequ.jpg?lgfp=3000

  • Heitor Lopes

    Eu voto para o Ricardo Rente estar em mais RapaduraCast. O cara fala muito bem.

    • Egua!! @ricardo_rente:disqus tu não tem vergonha de ficar fazendo lobby curtindo o comentário do cara não!! hahahahaha

  • Gugu Novaes

    Eu adorei Cloud Atlas e Speed Racer. E no caso do CA eu nunca entendi o q ele tem de “ruim” além de ser longo, entre aspas pq n concordo já q eu fiquei instigado do começo ao fim.

  • Jefther Barbosa

    Muito bom ter o Draccon de volta no Rapaduracast. Tava com saudades da participação deste rapaz! Traga ele sempre Jurass.

  • Jefther Barbosa

    @ricardo_rente:disqus sempre mitando nas participações. Traz mais ele pro Rapadura @jurandirfilho:disqus. Ele é um desistente, mas gostamos dele.

  • Bem…Por terem feito o primeiro Matrix ( e não desgosto das continuações…), V de Vingança e Sense8, já dou muito crédito a eles. Além disso, gostei bastante da adaptação do Speed Racer. Mas admito que o resto dos trabalhos são uma tristeza sem fim. Ah, aproveitando, se der, visitem o meu blog http://www.saberatualizado.com.br/ , onde eu falo sobre ciências, saúde, dieta, entre outros. Nele eu também esclareço alguns mitos na musculação, como o suposto prejuízo da proteína de soja, uso dos ovos, a lenda do ´pós-treino´, entre vários outros assuntos. Vale a pena dar uma conferida. Os textos são bem escritos e confiáveis ( trabalho com pesquisa na UFMG e estou acostumado a construir artigos e lidar com temas científicos). Se gostarem, curtam a página no Facebook e conheçam também meu blog de ´´fansubs´´ de vídeos humorísticos americanos, os quais não são disponibilizados com um tratamento idiomático para o nosso país. Eu faço a tradução e legendas de vídeos do FunnyorDie, ComedyCentral e BreakOrigins ( sou tradutor). São muito engraçados e, infelizmente, desconhecidos ao público brasileiro.

  • João Vivas

    Discordo das críticas a respeito de Cloud Atlas. É um filme fantástico e
    um dos melhores filmes já feitos na história do cinema. É um filme
    extremamente injustiçado pela crítica e que aborda diversos conceitos
    interessantes e histórias muito bem trabalhadas.
    Já com relação a Destino de Júpiter, também discordo em parte das críticas feitas. Tudo bem que está longe de ser o melhor trabalho da dupla, mas é preciso lembrar que esse filme é na verdade uma fábula que tem alguns elementos de ficção científica. Pela Wikipédia, Fábula “é uma composição literária em que os
    personagens são geralmente animais, forças da natureza ou objetos, que
    apresentam características humanas, tais como a fala, os costumes, etc.
    Estas histórias são geralmente feitas para crianças e terminam com um
    ensinamento moral de caráter instrutivo.”. É um filme que trabalha o lado da discussão moral entre liberdade e destino e entre humildade e arrogância. O Eddie Redmayne, tão criticando pela sua atuação nesse filme, é um vilão clássico de fábulas. Ele é justamente exagerado, mal sem motivo nenhum, eterno, representando esses conceitos.

  • Schmidt

    Os Wachowski podem dar as mãos pro Shyamalan…fizeram 1 ótimo filme e mesmo que os outros sejam bacanas acabam ficando na sombra onipotente de sua grande obra. São bons cineastas mas jamais seram ótimos!

  • Gleyson Cardoso

    SEM DÚVIDA O MELHOR TRABALHO DOS WACHOWSKIS É E SEMPRE SERÁ MATRIX, PARABÉNS POR MAIS UM ÓTIMO CAST, SÓ NÃO GOSTEI DO QUE FALARAM SOBRE MATRIX RELOADED E MATRIX REVOLUTIONS, EU ADOREI OS TRÊS FILMES IGUALMENTE, E TAMBÉM GOSTEI MUITO DO FILME O DESTINO DE JÚPITER, PENA QUE PARECE QUE FUI O ÚNICO, ADORARIA VER UMA SEQUENCIA DELE MAS INFELIZMENTE NÃO VAI ROLAR.

  • Laura Braga

    Também sou fã do Shyamalan, Juras…tamo junto!

  • Conde Ferreira

    Qual é a musica do Final?…

  • Alex Sander Sander

    Cara eu assisti Invasores de 2007 e não é tão lixo assim!!!

  • Vinicius

    É uma pressão, eles sempre vão ser lembrados por Matrix e será sempre esperado algo do mesmo nível e melhor, muitos vão falar que isso é normal, só acertam uma vez na vida, bem… a biografia de Spielberg, J Cameron, Scorsese, Kubrick entre está aí para provar que não. Penso que eles tem muita referência, mas tudo do mesmo nicho, resultado a criatividade fica limitada e o desejo de fazer algo grande em tudo acaba resultando em fios exagerados e pífios.

  • Edson Costa

    Matrix foi baseado em Megazone 23. Recomendo que assistam. E o anime é tão fodah que utilizaram até como base para Ghost in the Shell.

  • Ricardo Barbosa

    Eu voto para o Ricardo Rente não fazer parte do rapaduracast. Comparem ele com Draccon e Siqueira. Fica só no Canal 42 que tá bom.

  • Ricardo Filho

    eu sinceramente acho que o primeiro Matrix foi um acidente, ou não era deles de verdade

  • Karl Alexander

    Não dá pra falar que Matrix é uma cópia de Ghost in the Shell pelos conceitos da própria matrix ou da conexão pelo cabo na cabeça, tudo isso vem do livro Neuromancer, de 1984, que eu fiquei esperando vocês citarem. Tanto o filme quanto o anime são grandes obras que tem inspiração no William GIbson. Ótimo Podcast, Abraços.

  • Velho Velhaco

    Team shyamalan.

  • Velho Velhaco

    Caracas, já assisti o filme V DE VINGANÇA umas 5 vezes e conheço muita gente que é tão fãs quanto eu. O filme realmente se tornou maior que a hq mesmo a hq sendo foda bagarai. Não preciso nem dizer que Alan Moore é gênio, né!

  • Raz

    Achei bacana a participação do Ricardo Rente tb, tirando o fato de ele gostar de speed racer ahuehauehuaheuahue
    O cara é educado, se expressa bem e desenvolve com os outros participantes com harmonia. Fiquei curioso em conhecer o canal42

  • Tarça

    Até NINJA ASSASSINO a assinatura dos Wachowski me influenciou positivamente a ver os filmes, mas aí veio A VIAGEM e acabou a paciência e a esperança. Diretores de menores credenciais já estariam com as carreiras arruinadas, mas “os caras que fizeram MATRIX” sempre terão mais uma chance junto aos executivos. Deviam aproveitar melhor essa bênção.

  • Cesar Adr

    Os Irmãos W querem ser muito descolados, pomposos.
    A serie da Netflix logo de cara joga um consolo lambuzado na fuça do espectador rs que porra é essa? com o perdão do trocadilho. É querer ser muito “muderninho”.
    Esse filme Cloud Atlas leva 3 horas especulando coisas inverificáveis.
    Ah o sofrimento humano e bla bla bla.. pelo menos tecnobabble é divertido.
    Basta assistir um episódio de Star Trek Deep Space Nine, 4 temporada, episódio O Visitante (de chorar), pra ver como trabalhar essa questão “espirita” na FC.

  • Douglas Dias

    Poxa galera…

    Deixaram passar a principal referência dos Wachowski: Neuromancer. Poxa galera, o filme chama MATRIX!

    E sobre Ghost in the Shell, ao contrário do que falaram no podcast, o filme já era conhecido e reconhecido pra caramba nos EUA! Inclusive, dizem, que os Wachowski teriam aproveitado disso para vender o filme (graças a popularidade do anime, foi mais fácil vender um filme cyberpunk).

    Agora a grande polêmica de Matrix surgiu porque o filme é muito, mas MUITO próximo do Invisíveis, HQ do Morrison. Passa pela mistura do cyberpunk, filmes de kung-fu e as teorias do Baudrillard, até cenas que parecem transpostas da HQ.

    Dito tudo isso: o primeiro Matrix é um filmaço. Por ser um filmaço, acho que ofusca um pouco o resto da obra dos Wachowski; que não é ruim. Só que nada chega perto de Matrix (o 1º)

  • Bunitinho mas Ordinário

    Será que a transformação de Larry em Lana , influenciou de alguma forma o trabalho da dupla.? Acho que esse acontecimento não passaria sem efeitos em qualquer artista de qualidade e sensibilidade . Talvez o foco dos Wachowski tenham mudado e nesse caso a comparação com o inicio da carreira realmente fica mais evidente.

  • Bunitinho mas Ordinário

    Andy Wachowski no inicio da carreira era a cara do Azaghal , agora está a cara do senhor K.

  • Eu sou fã dos trabalhos deles, mesmo admitindo aonde os filmes deles tropeçam. E curti a pacas boa aprte dos filmes, em especial a trilogia do Matrix (incluindo o terceiro, a luta final do Neo contra o Smith é foda) e o próprio Speed Racer.

    Agora, esse Destino de Júpiter foi o que eu menos gostei. Mesmo com suas belas cenas de ação e conceitualmente interessante, o filme não é sutil nem um pouco, como o Siqueira aponta na crítica dele. Poderia ser melhor, se fosse dirigido por outra pessoa.

    Desejo sorte pra eles no Sense8, porque o que eu sinto em todos os filmes deles´e que eles buscam sempre sair do lugar comum e nos apresentar novas propostas e visões diferentes do arroz com feijão que a indústria parece ter se acostumado a oferecer.

  • Ah, e agradeço ao DVD do Matrix Reloaded pelo melhor clip de menu que eu já vi: https://www.youtube.com/watch?v=AAd8vfR-us8

    • Bunitinho mas Ordinário

      Muito bom . melhor que o filme.

  • Cleber Gio

    Eu acreditava muito nos irmãos, mas estou cada vez mais convencido de que eles são artistas de uma obra só. Não consigo entender como a Warner dá tanto dinheiro na mão deles até hoje por causa de um filme só, um GRANDE filme, mas um filme só.

  • Xah
  • Francesca Abreu – Manu e Nelle

    Incrível como pular um programa pode deixar a gente totalmente alheio às novidades. Conheci o Canal 42 por facebook. Conheci o Ricardo Rente pesquisando no youtube e achei o Território Nerd. Não tinha escutado esse programa aqui, tinha pulado. E agora percebi que estava tudo relacionado desde semanas atrás. Enfim!!!
    Vou escutar o cast. Ontem assisti Sense 8, o piloto. Vamos ver o que tenho a ouvir.

  • SmokeE3 .

    ghost in the shell, mangá, é o mesmo do filme “o fantasma do futuro”?

  • SmokeE3 .

    Fui ver a descrição dos Wachowski no wikipedia americano, a história é dividida em 3 fases: “Trabalhos anteriores”, “franquia matrix”, “trabalhos posteriores”. hauehauehuaeae

  • Felipe Lima

    Esse Draccon é incrivelmente chato…. Sem contar que parece uma imitação barata do affonso solano.

  • Rafael Salles

    Eu sempre achei esses irmãos Wachowski muito superestimados. Pra mim, o primeiro Matrix é apenas sorte de principiante (*e nem mesmo esse filme é tão bom quanto dizem). Tudo o que eles fizeram depois disso foram projetos megalomaníacos e arrogantes. São artistas que se acham muito mais competentes do que realmente são.