Cinema com Rapadura

Críticas   quinta-feira, 04 de abril de 2019

De Pernas Pro Ar 3 (2019): a comédia mais madura

Neste novo capítulo, a protagonista encontra questionamentos mais maduros e reais, ótimos reflexos dos atuais tempos de empoderamento feminino.

Com a carreira já estabelecida e reconhecida mundialmente, Alice (Ingrid Guimarães, “Um Namorado para Minha Mulher”) alcançou um patamar muito desejado e pouco alcançado por muitas mulheres brasileiras. O seu sucesso, que serve de reflexo para o que a brasileira passa em muitos momentos de sua vida, é constantemente questionado pelos demais à sua volta. Tais questionamentos são acerca do que sua própria imagem significa em sua história, como “De Pernas Pro Ar 3” demonstra muito bem.

Alice não precisa mais batalhar para tornar seu negócio um sucesso. Nem sequer para conquistar novos clientes, empresários interessados em dinheiro, homens de diversos países. O que culminou em sua longa ascensão, agora é motivo de indagação: até onde sua família e sua saúde ficarão em segundo plano? A protagonista, é claro, não terá apenas este novo desafio, o de tirar sabático para se readequar ao marido, João (Bruno Garcia, “Uma Loucura de Mulher”), e aos filhos.

Aliás, o filho mais velho, Paulinho (Eduardo Melo, “Confissões de Adolescente”), está na fase de aprender a lidar com sua própria sexualidade, o que resulta em diversos relacionamentos relâmpagos. A mais nova (Duda Batista, “Fala Sério, Mãe!”) sente a ausência da mãe o tempo inteiro. Tudo devidamente ciceroneado pela sempre presente Rosa (Cristina Pereira, “O Sal da Terra”). Alice também tem de aprender a lidar com o conflito de gerações e com o sucesso de Leona (Samya Pascotto, “Onde Quer Que Você Esteja”), jovem empreendedora que se descobre milionária quando revoluciona o mercado de produtos eróticos. E o relacionamento dela com Paulinho não torna a vida de Alice nada fácil.

Com a direção de Julia Rezende (“Meu Passado Me Condena”), este capítulo é o mais maduro da franquia, cujas piadas se tornam orgânicas à medida que os personagens são desenvolvidos. Em especial, é inesquecível a cena em que Alice experimenta os óculos de realidade virtual, uma das mais marcantes da comédia nacional dos últimos anos. Além disso, a obra apresenta um ótimo trabalho de edição. De nada adiantaria uma sucessão de piadas se os personagens não encontrassem espaço, o que não é o caso. Aqui, o espectador conhece uma Alice mais segura de si, porém, como muitas mulheres que alcançaram êxito em uma sociedade machista, ela passa a questionar sua autossuficiência diante da nova geração. E se pergunta, sobretudo, se valeu a pena escalar a sacrificante montanha do sucesso profissional em contrapartida à maternidade, perdendo diversos eventos memoráveis às vidas de seus filhos.

Por sua vez, a chegada de Leona se instala como uma das mais importantes aquisições dramáticas dos três filmes, pois é justamente a contraposição à Alice que torna o conflito real. E o carisma de Samya Pascotto ao lado da veterana Ingrid Guimarães cria uma verdadeira conflagração, resultando em questionamentos necessários, e tendo em vista a imagem desta protagonista à própria definição da mulher brasileira pós-empoderamento feminino.

Contando com bons momentos de reflexão, este longa-metragem encontra o ponto de equilíbrio no João do Bruno Garcia. Neste terceiro filme, o espectador conhece mais sobre o personagem, sua carreira, filosofia de vida e anseios, tornando o relacionamento dele com Alice mais tridimensional, quase palpável diante do que se espera de um casal junto há vinte anos. E há uma cena, com excelente corte entre quatro personagens, que merece aplausos pela transparência dos conflitos apresentados.

“De Pernas Pro Ar 3” chega em boa hora. É um recorte social com a vestimenta de comédia, com ar mais maduro e com narrativa mais fluida. Um bom terceiro capítulo de uma franquia que se tornou mais do que entretenimento, sendo responsável por mudanças sociais e de comportamento. Desta vez, segura muito bem a brincadeira!

Denis Le Senechal Klimiuc
@rapadura

Compartilhe

De Pernas Pro Ar 3 (2019)

De Pernas Pro Ar 3 - Julia Rezende

O sucesso da franquia Sex Delícia faz com que Alice rode o mundo, visitando os mais diversos países em uma correria interminável. Sem tempo para se dedicar à família, quem assume a casa é seu marido João, que cuida dos filhos Paulinho e Clarinha, de apenas seis anos. Cansada de tanta agitação, Alice decide se aposentar e entregar o comando dos negócios à sua mãe, Marion. Porém, o surgimento de Leona, uma jovem competidora, faz com que mude seus planos.

Roteiro: Rene Belmonte, Ingrid Guimarães, Marcelo Saback

Elenco: Ingrid Guimarães, Bruno Garcia, Duda Batista, Vincent Mangado, Cláudia Mauro, Eduardo Mello, Stepan Nercessian, Samya Pascotto, Maria Paula, Cristina Pereira, Denise Weinberg

Compartilhe