quinta-feira, 07 de setembro de 2017

RapaduraCast 516
O Mercado da Nostalgia

Fique a vontade para participar do nosso debate, porque aqui você sabe: "Assistir é apenas o começo"!

Aperte o Play para começar o RapaduraCast Aperte o para começar o RapaduraCast

1x 1.5x 2x
0:00:00

Hollywood descobriu que nostalgia dá dinheiro. São tantos filmes e franquias clássicas dos anos 70, 80 e 90 retornando, que parece que estamos vivendo essas décadas novamente. O que significa isso? Nós adoramos nostalgiar? Relembrar o passado faz bem? Além do cinema, séries e games também entraram nessa onda. Quem é o responsável por tudo isso? “Guardiões da Galáxia” foi o primeiro dessa década a trazer trilhas sonoras clássicas? Qual a importância do filme para esse gênero?

|| PARTICIPANTES
Jurandir Filho, Thiago SiqueiraRogério Montanare e Erik Avilez

|| PODCASTS RELACIONADOS
RapaduraCast 427 – Divertida Mente! Obrigado #Pixar!
RapaduraCast 423 – Mad Max: Estrada da Fúria #WhatALovelyDay
RapaduraCast 426 – Jurassic World
RapaduraCast 448 – Star Wars: O Despertar da Força
RapaduraCast 385 – Guardiões da Galáxia
RapaduraCast 502 – Guardiões da Galáxia Vol.2
Canal42 59 – Stranger Things (Temporada 1)
99Vidas 248 – Somos Donos da Nostalgia?

|| DESCONTOS! MUITOS DESCONTOS!
Este RapaduraCast conta com o apoio do Promobit, uma comunidade de pessoas que se ajudam a encontrar as melhores promoções da internet. São diversos produtos que aparecem por lá com super descontos, como por exemplo, “Promoção de Fone de Ouvido“.

|| ASSINE O RAPADURACAST
iTunes: Tem iPhone/iPad/Mac? Adiciona aí!
Android/WindowsPhone: Esse link é o do feed/rss do sucesso!

|| NOSSOS CONTATOS
WhatsApp: (85) 999 335 662
Youtube: RapaduraTV
Instagram
@cinemacomrapadura
Twitter: @rapadura
Facebook/cinemacomrapadura

Compartilhe

Participantes

Erik Avilez
Erik Avilez
@erikville
Jurandir Filho
Jurandir Filho
@jurandirfilho
Rogério Montanare
Rogério Montanare
@rmontanare
Thiago Siqueira
Thiago Siqueira
@ThiagoSiQueiraF

Ouça Também


  • PsicoHélder Soúlima

    A industria da nostalgia é um verdadeiro caça níquéis com data de validade pronta!

    Ex:Jovem Guarda quem lembra disso hoje?Poucos,porém…

    • Sarah Oliveira

      Mas a nostalgia se nova a cada ano, não?

    • Marco Antonio de Oliveira Sant

      É claro, o negócio nem na época era bom, como que hoje vai ser bom? kkkkkkkkkkkkk

  • Davos, o lula europeu!

    Se a sociedade a qual uma obra é exposta não estiver disposta a falar sobre novos temas ou se mostrar inflexível e relutante a normas formas de se enxergar e adaptar temas constantes da vida e sociedade humana, tende-se naturalmente a se repetir idéias e conceitos já outrora desenvolvidos . Muda-se a perspectiva e a abordagem pois ambos estão ligados intrinsecamente a cultura e as experiências sociais de quem escreve sobre ou adapta, porém os temas sempre serão os mesmos. Uma abordagem faz sucesso, outra causa a indiferença do expectador, sendo esquecível, e algumas são considerados falhas em seus objetivos pois cada expectador também absorve a obra produzida de modo diferente, afinal cada um tem uma massa crítica diferente, uma bagagem cultural que acaba ditando gostos e estilos mais e menos efetivos. É complicado falar sobre esse assunto, tem muito o que se pensar.

  • silas.
  • Felipe Barbosa

    nostalgia do rogério de peruca pirando nas lives da comic con haha

  • Betotruco

    O motivo é simples: falta de criatividade!!
    Nos anos 70 a criatividade estava a mil e nos 80 todos os excessos afloraram!!
    Nos 90 veio a melancolia e nos 2000 começaram a chupinhar TUDO o que tinha de bom das décadas anteriores!
    Simples assim… Uma questão de timing.

    • Marco Antonio de Oliveira Sant

      Temos que trazer de volta o LSD pra criatividade voltar!

  • Tiago Lima

    Existe validade para a Nostalgia? Eles trazem de volta uma franquia e pegam o publico pela nostalgia, se a franquia se torna algo frequente, será que no 2º, 3º ou 4º filme o publico ainda se sentirá nostálgico? Algumas franquias podem acabar atingindo um novo publico e seguir a partir dali para aquele novo publico e dando algumas coisas para os fãs antigos. , como Star Wars está fazendo. Outras franquias estarão só desgastando a imagem em tentar pegar o publico por nostalgia? Vocês citam o novo Terminator como algo que voltou apostando na nostalgia, mas é o terceiro filme em 12 anos (2003, 2009 e 2015) , o publico antigo que tem o primeiro filme como marcante, pode até ter nostalgia por um novo filme de Terminator, mas a geração mais nova teve contato com esses filmes mais recentes, não devem ser pegos pela nostalgia.

    Star Trek não acho que é algo que voltou pela nostalgia, tirando a série clássica dos anos 60 que ficaram 10 anos sem nada, só reprise, foi uma franquia constante, os filmes foram de 1979 a 2002 e as séries de 1987 a 2005, e o reboot é de 2009, foram 4 anos sem algo novo do universo de Star Trek, e foram 3 anos entre cada filme da nova trilogia.

  • Bean

    Cara, o Tiago Siqueira cantando é uma desgraça. Puta vergonha alheia…

    • Marco Antonio de Oliveira Sant

      Tiago Siqueira nos vídeos a voz dele é diferente, muito mais fácil de ouvir…

  • Don Ramon

    Vou baixar pra ouvir, mas desde sempre Hollywood aposta na nostalgia, porque as pessoas querem isso.
    Quando criança vivia tendo festa dos anos 60 e 70.
    Grease foi um sucesso e falava sobre a década de 50, nos anos 70.
    De Volta para o Futuro I passou boa parte nos anos 50 e imortalizou de novo Johnny B. Good.
    Indiana Jones e Star Wars, beberam da nostalgia de seus idealizadores, que adoravam as matinês de filme de aventura e filmes espaciais de Buck Rogers.
    La Bamba falava da mesma época. Na música haviam os B52 com visual retrô e Stray Cats que fazia um rockability bacana, dentre outros.
    Nos anos 90 tivemos “That 70’s show” e começou a vibe dos 80. E veja só, teve um filme muito bom do Adam Sandler chamado “Afinado no Amor” com nostalgia dos anos 80.
    Nos 2000 tivemos aqui onde moro as festas PLOC, que reviviam os anos 80.
    E hoje em dia, quem diria, to matando saudade de alguns Hip Hop da primeira metade dos anos 2000.

  • Marco Antonio de Oliveira Sant

    Jurandir, na parte que você falou da Sessão da Tarde, realmente passam filmes de todos os tipos lá, pelo menos integrando no tempo todo o tempo que a Sessão da Tarde existiu, e muitos filmes clássicos dos anos 80 e 90 (e muitos lixos também que tentam se passar por “clássicos” também entraram lá), mas o problema é a forma como eles são apresentados. Filme (mal) dublado, mixagem de som cagada, nome errado, intervalo no meio, isso é lixo. Então eu meto o pau na Sessão da Tarde sim, mas não nos filmes. Os filmes tem que analisar individualmente.

    • Marco Antonio de Oliveira Sant

      Ver filme assim é o mesmo que não ver.

  • Marco Antonio de Oliveira Sant

    Por causa da voz dele?

  • Marco Antonio de Oliveira Sant

    O Jurandir falando que a nostalgia triplica 400 mil vezes, hahahaha….seria isso 1,2 milhão de vezes???

  • Alex Ferreira

    O cara tá no podcast desde 2006, mas vão tirar ele porque você não gostou dele, vão sim.

  • Filipe Bortoletto

    Daqui a 30 anos, teremos nostalgia de Steven Universo, Gumball, Naruto, Mulher Maravilha, Avatar, Sense8 (esse exclusivamente para mim ahahha), Moana, Frozen, Sherek, Minions…

    • Júnior Souza

      Eu acrescentaria o desenho Hora de Aventura que eu vejo com o meu filho e é excelente.
      Parece que a princesa de Frozen já é uma das mais pedidas e requisitadas e já entrou pra história, com certeza.
      Cara, vc conseguiu acompanhar Sense8. Parabéns. Eu não consegui passar do 2o epis.

      • Filipe Bortoletto

        Esqueci de Hora de Aventura, amo também.

        Sobre Sense8 ela conversa muito comigo, eu sei que o roteiro é um queijo suíço e pobre. Mas é aquela série em que a ideologia que ela prega vale o preço de um roteiro pobre e mal feito. Tipo a ideia que ela passa de união e de que todos são iguais fica maior que a própria série.

        O ícone dessa ideologia são as surubas (que nem são muitas, 2 ou 3 apenas), que além de serem fantásticas visualmente, elas tem um significado muito grande, porque ali estão negros, indianos, gays, héteros, transexuais, lésbicas, europeus, estudunidense, enfim não tem maneira melhor de pregar união do que por meio de uma suruba.

        Desculpa me empolguei hahah.

        Mas de uma chance para 1 temporada. A segunda temporada eles perdem essa ideologia em detrimento de uma história confusa.

        • Júnior Souza

          Legal. Argumentos interessantes.
          Mas depois de Sense8 eu ainda tentei ver O Destino de Júpiter e vou te falar hein…
          Dos/das Wachowski, só Matrix 1 mesmo.

  • Windson Mateus

    Debate foi show!
    Só tô puto agora com essa música chata do “ursinho blau blau” na minha cabeça hahaha

    • Júnior Souza

      Acabei de ler seu comentário e fiquei com essa música na cabeça tb.

      • Aline M Santos

        Dois…agora a música não sai da minha cabeça…. kkkkkkkkkkk

        • Júnior Souza

          Já ouvi que, pra tirar uma música chiclete da cabeça, só com outra música chiclete.
          Des pa ci to…

          • Aline M Santos

            😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭

        • meu ursinho blau blau de brinquedo…

    • UHAUHAUHAU Se não me engano fui eu que cantei no cast, e não me arrependo de nada.

      Inclusive queria dizer que ai de mim! ui blau blau

  • otavioliborio

    Juras, a última vez que tive essa comoção por causa de nostalgia foi no 99 Vidas Tv Cultura, nossa chorei e ri bastante. Debate show! parabéns a todos!

  • Aline M Santos

    Debate maravilhoso, faz a gente viajar na Nostalgia mesmo!!! Concordo com o Rogério quando ele fala que a gente já conhece aquilo e sabe para onde ele foi e o que vai te trazer de bom, por isso das vezes a gente se desligar de certas coisas ou relacionamentos, que é o medo do novo… gosto dos podcast que levantam vários debates de assuntos muitas vezes aparentemente “simples”.

  • DS9/BSG

    Não acho tão dificil achar futuros clássicos dos anos 2000 e 2010, pois basta analisar quais são os filmes ou franquias que estão marcando nossas vidas nos últimos 17 anos:

    (por favor abandonem essa ideia de regra de 15 anos, filmes bons e ruins sempre vão existir, ela só afasta a nova geração de assistir filmes antigos) Dead Note pelo jeito não precisa de regra de 15 anos pra descobrir que é ruim

    Amnesia
    Gladiador
    Alta fidelidade
    Naufrago
    Elefante
    Requiem por um sonho
    Premonição 1
    Amercian pie 2
    Donnie Darko
    Jogada de verão
    Louco por você
    Cidade dos sonhos
    Exterminio
    Minority Report
    Resident Evil 1
    Super bad
    Apenas amigos
    Senhor dos Aneis
    Harry potter
    Sunshine
    A Origem
    O grande truque
    Brilho eterno de uma mente sem lembranças
    Meia noite em Paris
    Melancolia
    A Arvore da vida
    Transformers 1
    Orgulho e preconceito (2005)
    Encontros e desencontros
    Closer
    Antes do por do sol
    Troia
    300
    Alexandre (2004)
    Interestelar
    Gravidade
    BvS
    Escritor fantasma
    Rede social
    Rogue One
    Estrada da fúria

    Os filmes da Pixar
    Varios filmes de super-herois, Vingadores 1 e Guardiões 1 já são clássicos…

    Series de tv é que não faltam pra clássicos… na verdade o termo clássico acho que nem deveria mais ser aplicado a séries, porque o nível chegou a um patamar que algumas já nascem clássicas.. começando por Mad Man e Donwtow abbey… a lista seria imensa…

    • Não entendi muito bem sua oposição quanto a Regra dos 15 Anos. A ideia é só saber se um filme resistiu ao teste do tempo ou se ficou muito datado, não que depois de 15 anos não se deve mais ver o filme.

  • Diogo Maia

    Acabou de chegar, né? Haha.

  • Diogo Maia

    Infelizmente Mamonas jamais faria sucesso hoje e ainda por cima seria alvo de protesto por parte dessa geração mimadinha.

  • Fabio Nascimento

    Senti falta do História Sem Fim !!! Nossa esse filme me marcou ele muito TOP !