sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

RapaduraCast 452
Antologia Rocky Balboa e Creed – Nascido para Lutar

Fique a vontade para participar do nosso debate, porque aqui você sabe: "Assistir é apenas o começo"!

Aperte o Play para começar o RapaduraCast Aperte o para começar o RapaduraCast

1x 1.5x 2x
0:00:00

Chegou a hora de prestar uma grande homenagem a um dos grandes personagens da história do cinema: Sylvester Stallone. Ou seria Rocky Balboa? Por que a história desses dois são tão relacionadas? Rocky é uma série sobre boxe? Quem são os personagens? Por que a franquia é tão importante pra tanta gente?

Jurandir Filho, Raphael Santos, Raphael Draccon, Rodney Buchemi e Bruno Costa se reuniram para falar sobre a antologia Rocky e sobre Creed – Nascido para Lutar, spinoff da franquia. Muitas histórias, muitos desafios, muita superação. Entenda porque Rocky Balboa é mais do que um personagem de cinema.

ATENÇÃO: ESSE PROGRAMA TEM SPOILERS DE TODOS OS FILMES.

|| PODCAST RECOMENDADO
RapaduraCast 350 – Bruce Lee, a história do dragão mestre imortal

|| QUER SABER AS MÚSICAS TOCADAS?
Siga a playlist do RapaduraCast no Spotify

|| ASSINE O RAPADURACAST
iTunes: Tem iPhone/iPad/Mac? Adiciona aí!
Android/WindowsPhone: Esse link é o do feed/rss do sucesso!

|| NOSSOS CONTATOS
Youtube: RapaduraTV
Instagram
: @cinemacomrapadura
Twitter: @rapadura
Facebook: /cinemacomrapadura
E-mail: rapaduracast@cinemacomrapadura.com.br

Compartilhe

Participantes

Bruno Costa
Bruno Costa
@zumbirosca
Jurandir Filho
Jurandir Filho
@jurandirfilho
Raphael Draccon
Raphael Draccon
@raphaeldraccon
Raphael Santos
Raphael Santos
@phsantos
Rodney Buchemi
Rodney Buchemi
@rodbuchemi

Ouça Também


  • Alexandre de Paula

    Aqueles casts que você já se emociona só de ver que saiu =`)

  • Paola Tomazini

    Chorei no cinema e provavelmente isso vai acontecer mais uma vez ouvindo esse cast.

    • Wesley Soares

      Estou na mesma situação =/

      • Fabio Rogerio Alves Morgado

        Coloquei para ouvir no serviço e tive que parar. kkkkkkkkkkkkkk

  • Cavalo Festeiro

    Rocky é uma franquia atemporal e cada vez que assisto os filme sinto um carinho especial cada vez maior. E esse Creed é uma importante atualização desse legado!

  • ThePescadorParrudo

    Eu curtia mais o Rambo… Rocky só nas lutas é empolgante porque fora delas me deprime, mas, como um cara(ator/pessoa) que realmente me enche de motivação é o Bruce Lee 🙂
    Cometi um erro ao assistir Creed legendado e putz isso detonou muito do carisma do Rocky ;(

  • Alexandre de Paula

    Esse foi o segundo rapaduracast que eu mais chorei (Divertida Mente nunca será batido rsrs)!
    Discussão maravilhosa. Creio que todo fã do Rocky gostaria de estar ai com vocês!

    Rocky está eternizado, e isso nem se discute. O mais impressionante é que ainda tem pessoas que nunca assistiram. Isso, porque acham que Rocky é um filme de luta, o qual, elas não gostam. Mas é muito mais que isso! É a história de um vencedor. É um homem dentro da tela nos ensinando a nunca desistir. Nos ensinando a apanhar da vida, e levantar de novo! Nos ensinando que não importa de onde você veio ou qual limitação você vê em você. Mas você sempre pode ter outras armas a usar e outras maneiras de vencer.

    Assim como O Despertar da Força fez, Creed resgatou tudo de bom que tinha na franquia, revitalizou e trouxe toda emoção que tivemos no primeiro filme para uma nova geração. Creio que começarão pelo novo filme e depois irão atrás de conhecer os anteriores.

    Parabéns RapaduraTeam por nos emocionar e por um bate papo tão gostoso de ser ouvir!

    PH, você é o cara!

    • phsantos

      Você quem é. 🙂

  • Bruno Loula

    Seria muito legal um vídeo, o qual ,Jurandir Filho e PH imitam Rocky e Apollo Creed treinando na praia de Fortaleza.

    • huahauahuuauhauuahauuha

      • gandralf

        Mas tem que ser com shortinho anos 80 e barrigada no ar em slow motion

      • Bruno Loula

        Eu pagaria para ver.

        • Lucas Dias

          Eu pagaria pra não ver kkkkkkkkkkkkkkkk

  • eduardo metello

    olha , que programa sensacional , acho que ta empatado com o do toy story como os melhores na minha opinião pelo que me recordo…e o final então
    parabens a todos , e também considero vocês meus amigos imaginarios. heheh

  • Gregory Oliveira

    Antes de tudo é necessário agradecer a todos que participaram do cast por em duas horas mostrar todo seu amor pela franquia, pelos personagens e depois dizer como essa é uma linda homenagem a franquia, que respeita, se mostra como um fã de Rocky gostaria que um novo filme fosse feito. Assim como Ph e Costa eu me emocionei em ao menos 3 vezes no filme.

  • Zeco Passos

    Esse Bruno Costa estraga qualquer podcast ! Cruzes!!

    • phsantos

      Discordo. Acho ele pontual e muito inteligente.

    • Bruno Costa

      Me ajude a melhorar Zeco! Quais os pontos que você acha que eu posso evoluir como podcaster? Obrigado pelo comentário! 😉

    • Bunitinho mas Ordinário

      Seu Hater.

    • Wagner CS

      #sqn

  • Gabriela Rocha

    Programa histórico!!! Impossível não se emocionar com cada história, cada depoimento. Definitivamente, o Rocky se tornou muito mais do que um grande personagem do cinema. O Balboa sem perceber se tornou um grande brother dos fãs da saga. Um daqueles amigos que te levanta nos momentos tristes e sempre tem uma palavra de encorajamento pra te falar. Parabéns, Cinema com Rapadura!!

  • Jonathan Kennedy

    Muito, muito obrigado mesmo por esse cast, além de ser nostálgico é excelente e estou chorando enquanto escrevo esse comentário. Que filme, que programa. Creed é sensacional, filmaço, nota 10 e está na lista dos melhores filmes desse ano, pois o filme merece e o cast é uma das coisas mais maravilhosas que tive a oportunidade de ouvir. Fantástico escutar vcs e se emocionar junto com cada palavra descrita e interpretara. Dedico á todos os participantes desse cast, muito obrigado.
    A mensagem de Geovane Araujo é de cortar o coração e ao mesmo tempo muito forte e intenso. Viva Rocky Balboa.

  • Igor

    Nossa, foi dificil não chorar nesse podcast rsrs. Eu fiquei com a mesma sensação do pessoal, que o filme era um 9 honesto, até porque eu nem tinha curtido muito o “vilão” do filme, achei ele meio sem graça. Ainda mais vindo de uma franquia com oponentes tão marcantes quanto o Apollo, Clubber Lang e até mesmo o Drago(mesmo o filme sendo uma zoeira rs). Mas por tudo o que ele representa e pelo tanto que ele motiva e emociona as pessoas, fui convencido que o filme vale mais que isso, é 10 no coração.
    Ps: Chame mais o Bruno. Não sei se ele ainda está interessado em falar sobre cinema, mas como fã do falecido cinecast adoraria ver mais participações dele aqui. E parabéns a todos os envolvidos pelo excepcional cast.

    • Bruno Costa

      Sempre que o Juras convidar, eu apareço! 😉

      • Cavalo Festeiro

        Aí sim Bruno. Já te ouvi em varios casts diferentes e curto muito sua forma de analisar os filmes. Volte sempre!

      • Wesley Soares

        Bruno, continue com o ótimo trabalho. Te acompanho a um bom tempo em outros podcasts e espero que o Juras te convide cada vez mais para o rapadura. Abrç

  • Wendel

    Nostalgia usada de maneira certa!

  • pula morcega

    right on the feelings !

  • Ademar Neto

    escutei esse cast distribuindo jab’s no ar

  • Beto

    robert dniro também não ganhou o oscar de melhor ator em 76 foi outro que ganhou

  • Beto

    eu vi creed dublado e quem dublou o rocky foi o luis feier motta que dublou rocky 4,5,6 e creed

    • Bunitinho mas Ordinário

      Sim , Infelizmente André filho antigo dublador do Stallone faleceu , andré era uma lenda da dublagem, apesar de Luis Feier ser um excelente dublador do stallone.

      • Beto

        prefiro a 2ª voz combina mais

  • Beto

    gosto do 4 muito bom o treino

  • Beto

    gosto do 5 porque mostra o lado do boxe dos empresarios que para eles so importam o dinheiro

  • Beto

    gosto do 6º era um filme que tinha tudo pra dar errado mas deu tudo certo

  • Beto

    creed e muito bom o humor e agradavel,o drama comovente,a luta e os treinos empolgantes
    gosto de todos filmes do rocky e creed melhorou ainda a saga

  • Bunitinho mas Ordinário

    A equipe desse cast não poderia ter sido mais bem escolhida , não tem como dar

    errado.

  • Luis Fernando Mendes

    Ja emocionado logo de cara com o tema. Vou andar feito um estranho na rua com um mega fone mas não deixarei de escuta lo

  • Beto

    acho creed,rocky 6,rocky 3 melhores que rocky 1

  • Beto

    se o rocky fosse criado e feito por outra pessoa já teria ganhado um remake com outro ator já no final dos anos 90 mas sou fã do stallone por isso a 40 anos fazendo o filme

  • Ali Chamas

    PQP!!
    me arrepiei e me emocionei, exatamente as mesmas sensações com os filmes e com esse podcast.

    Muito bom!!!

  • Beto

    melhor cena de creed e o treinamento com os motoqueiros seguindo ele e o rocky na janela

  • Bunitinho mas Ordinário

    Eu acho Rocky Um Lutador , melhor que Táxi Driver.

  • Bunitinho mas Ordinário

    Minha ordem de preferência de filmes da franquia.
    1º Rocky
    2º Rocky 3
    3º Rocky 2
    4ºRocky Balboa
    5ºRocky 5
    6ºRocky 6

    • gandralf

      Peraí, o Rocky 3 não é aquele filme em que a “estratégia” do Rocky é deixar o adversário bater até cansar?

    • El Luchador

      Rocky Balboa e Rocky 6?

  • Tiago de Magalhães

    Em Rocky 5, gosto de uma cena em que ele volta a academia do Mick abandonada. Ele se vê em um flashback, treinando com o Mick antes da luta contra o Apollo e é presenteado com a abotoadura que Mick havia ganhado do Rocky Marciano. E o discurso/ texto de Mick faz nesse momento remeteu muito ao que se vê do personagem em Rocky Balboa e Creed.

  • gandralf

    Adorei o fato de falarem sobre toda a série do Rocky. É muito legal entender (e em certa medida, compartilhar) a ligação que vocês têm com esta série e com o último e excelente filme.

    Suor de macho no canto dos olhos que… tá bom, chorei bonito no cinema. Ainda mais pelo Rocky ser um personagem tão querido e que inspira tanta empatia, e por viver uma situação que me é próxima. Bittersweet feel-good movie over 9000. #TeamSly

    Espero ansiosamente pelas continuações. O filme deixou um material muito rico para desenvolver, como os próprios personagens, a doença e o destino do Rocky, o desenvolvimento da doença (ou das perspectivas disso), o desafiante (#2 do mundo) que agora tem uma luta pendente contra o Creed, e os fantasmas que ele ainda carrega.

  • Rodrigo De Sousa

    eu ouvindo vocês falando mal do Rocky 4 e ouvindo burning heart ao fundo e meu imenso foda-se pro que falavam hahahah

    Rocky 4 e 5 é sobre a QUEDA do heroi, como mesmo dando tudo de si tem PREÇO. a vida não é um conto de fadas. dizer que não tem nada é mostrar que não viu o TODO da coisa. triste.

  • Menino Well™

    Escrever sobre Rocky para mim é muito difícil, a emoção toma conta de forma absurda. Rocky para mim é muito além de um personagem fictício, é como se eu o conhecesse pessoalmente, como se ele fosse meu tutor, mestre e amigo. Conheço os filmes acho que minha vida todo, não me lembro que apresentou para mim ou se vi sozinho na TV, só sei que desde que me lembro Rocky estava comigo. Eu que nascido no final dos anos 80, fã do Sly e filmes de ação tive a oportunidade de ver meu amigo em tela grande, Rocky Balboa se tornou meu filme favorito da franquia, ver o meu herói velho mas nunca derrotado, ver meu herói indo de frente com quem dizia para desistir, meu herói vencendo mesmo perdendo. Meu Mestre de Hapkido sempre falava temos que ser vencedores até nas derrotas. E já tinha aprendido isso com Rocky. As lutas sempre são as mesmas, mas sem vibro e torço não importa qual filme esteja passando. Não preciso comentar sobre cada filme, vocês já falaram muito bem e eu não aguentaria falar sobre, o suor nos olhos já começaram antes de iniciar esse texto. Mas tem uma coisa boa no filme do Rocky V que é o flashback que o Rocky tem do Mickey. Mas acho que é só hehe. Já em Creed o Adonis tem um carisma muito sensacional, diferente do que o trailer vendia, pensava que ele seria apenas um Apollo junior marrentinho e mimado. Mas para minha surpresa adorei o personagem, mostrando que temos que nos dedicar a fazer aquilo que nascemos ou acreditamos que devemos fazer para nossas vidas, se estamos infelizes com nossos status, com nossas carreiras. Devemos sempre buscar fazer aquilo que queremos. Mas o ponto alto do filme para mim, ver meu herói, que tanto me ensinou e ensina, desistir pela primeira vez me machucou tão profundamente que fiquei sem saber o que pensar, perdi cerca de 5 minutos do filme só com meus pensamentos, só “retornei” na hora que Adonis briga com um cara e vai para cadeia. Mas claro que Rocky iria lutar, “Você luta e eu luto” e “Um soco por vez, um passo por vez e um round por vez” são tão poucas palavras com significados mil. Desejo do fundo do coração que a franquia Creed dê tão certo quanto Rocky e que seu legado leve toda uma nova geração a motivação e honra. Quero ver Rocky lutando e vencendo mais uma vez. Quero ver Creed carregando o nome do pai e construindo seu legado. E para finalizar, que fantástico é a tomada final, Rocky subindo as escadas, quase parando e Adonis motivando. Meu Herói e amigo subiu onde muitos subiram o imitando, mas numa metáfora tão linda. Impossível não se emocionar. Desculpa pelo texto longo. MUITO OBRIGADO PELO CAST! ouvirei várias e várias vezes.

    P.S: Como disse o Mau Saldanha, no Oscar quando o nome do Sly for chamado como vencedor, todos tem que se levantar e gritar “ROCKY, ROCKY, ROCKY!!”

  • Paulo Sérgio

    Adorei do cast mas senti falta de terem falado sobre a trilha sonora composta por Bill Conti. O primeiro filme foi muito bom e se completou com esta trilha sonora marcante, quando se escuta vc lembra do filme o que continuou nos outros filmes da franquia . Outra coisa que faltou comentar foi a preparação dos atores para as lutas, sendo que muitos eram lutadores de verdade, tive curiosidade em saber como foi esta preparação… de resto valeu,,,

  • Wilkson Luiz Silva

    Timaço curto todos os participantes , nem escutei e ja gosto .

  • Marco Martinez

    Sobre a questao do sangue no olho do Adonis na primeira luta, tem uma materia do buzzfeed contando como fizeram: http://www.buzzfeed.com/adambvary/creed-one-take-boxing-scene#.rykaQpaPm

  • Gp

    O dialogo do Duke e a cena do treinamento no Rocky 6 são dos pontos mais altos da serie. Ver no cinema com o som no talo, um Stallone sessentão, quase 10 anos depois, malhando um barril de chop no chão feito um animal foi impressionante. De arrepiar.

    Achei um ponto interessantíssimo do Creed e que o PH citou que o Adonis em hora nenhuma entra no coitadismo e nem o roteiro cai nesse ponto. Fugiu lindamente do “senso comum”.
    Fora aquela primeira luta em plano sequencia. FODA, fiquei até o fim do filme esperando outro plano sequencia para o fim da luta final.
    Fora a ponta importantissima que o Stitch ganhou no filme! 🙂

  • Wilkson Luiz Silva

    Olha , o cast mais emocionante que ja escutei na vida .

  • que belo tríceps hã
    ( ͡° ͜ʖ ͡°)

  • Igor _43

    Parabéns pelo podcast. Filme belíssimo e com atuações fodas do Sly e MB Jordan.
    Ryan Coolger destruiu na direção (já tinha gostado de Fruitvale Station, agora virei fã). Expectativa alta para Pantera Negra.

  • Artthur Pedro

    rapaduracast PTA!!!!!!!!!!!please

  • Luis Fernando Veloso

    Quando assisti o trailer do filme, eu jurava que o Rocky iria morrer neste filme. Immortal Rocky o/… Parabéns pelo cast. É um excelente tema!!!

  • Lucas Dias

    O Rock é um safado.. Plagiou o discurso do Falcão, campeão dos campeões… Esse sim era um erudito e sabia usar as palavras como poucos sabem. E era trabalhador, Caminhoneiro arretado que ganhava a vida com dignidade.

  • daniel

    Quem ganhou o Oscar de melhor ator em 1977 nao foi o Robert De Niro por Taxi Driver, foi o Peter Finch por Network.

  • Thiago de Melo Costa

    Chorei,aplaudi e vibrei vendo o filme.
    Podem no final do ano não concordarem que foi o melhor de 2016, mas certamente vai ser o com mais coração.

    E o que dizer da atuação de Sly ? Simplesmente impressionante alguém com tanta fama fazer o coadjuvante de sua principal franquia em uma passagem de bastão brilhante.

    Recomendo ao pessoal o link do seguinte texto em que podem ver no final um vídeo de bastidores bem interessante do filme.

    http://pipocologia.blogspot.com.br/2016/01/creed.html

  • Vladimir Junior

    Poxa quase tive um treco quando vi o título deste cast.. Sou um grande fã do Rocky desde criança.. tô na faixa do 40 e vibrei com o rocky no cinema, em casa.. Puxa quando vi que o Creed tava passando fiquei louco para assistir.. e que filme.. que filme.. Me lembrou tanto Rocky 1.. um cara tentando ser conhecido e lutar com o grande campeão, treinando na rua, lutando contra os fantasmas internos.. Meu.. Foi Rocky de primeira!! Parabéns pelo cast e chorei no filme também.. abraço pra todos..

  • Roberto Menezes

    Parabéns pelo excelente Podcast, pessoal. Confesso que demorei um tempo para escutar o Podcast de vocês, mas com esse tema ficou inevitável. Ganharam mais um ouvinte. Gostei muito do modo e da emoção com que os filmes do Rocky foram abordados.

    Só queria pontuar algumas coisas sobre Rocky V… ao meu ver, o Rocky V tenham sido analisado de forma mais pessoal e emotiva do que técnica. Assistindo ele novamente dá para perceber que o filme se perde bastante por conta da direção. É tanto que se a história do filme for dividida em duas partes (Parte 1 – treinamento do Tommy Gunn, Parte 2 – Tommy Gunn tendo que enfrentar Rocky para se provar um grande lutador), cada uma delas pode ser vista tanto em Creed como em parte do enredo de Rocky Balboa. A luta final é realmente algo desnecessário e que poderia ser feita de alguma outra forma. Inclusive Rocky chega a da uma rasteira da capoeira em Tommy. Mas essa luta final é explicada no filme pelo fato de Tommy dar uma surra em Paulie, depois de tentar defender Rocky, e por um personagem que azedou a relação de Rocky com Tommy. Esse personagem é interpretado por Richard Gant e que tenta ser algo parecido com o que era Don King, naquela época, para o boxe. Em suma, eu realmente acho o mais fraco de todos mas por elementos de direção do que pelo roteiro em si.

    Por último, há um pequeno erro quando vocês falaram sobre Rocky IV. O filme é de 1985 e não 1995.

    É isso… curti muito o episódio. E enquanto os próximos não saem, eu vou escutando os antigos.

    Grande abraço.

  • El Luchador

    NA REAL, o De Niro também não ganhou com o Taxi Driver naquele ano.
    HAHAHAHAHAHAHA

  • Raphael Brito

    Excelente cast e bem ao estilo 99vidas, caiu na nossa nostalgia. E quanto ao mérito entre Rocky e Taxi Driver que levantaram, sim, o filme do Scorsese é mais bem realizado, mas compreendo o momento que os EUA passavam na época e a vitória no Oscar de Rocky fez todo o sentido, embora o meu preferido naquela ocasião seja o Rede de Intrigas, que venceu os Oscar de Ator para Peter Finch e Atriz para Faye Dunaway. E critica o sensacionalismo da TV e os meios de mídia. Vale ser descoberto

  • Raphael Brito

    E no cast sobre o Oscar 2016 poderiam falar sobre a Framboesa de Ouro também. Ainda mais que temos pérolas como Quarteto Fantástico e 50 tons de cinza

  • Raphael Brito

    Eu curti o Rocky IV. Compreendo que teve o viés político e teve menos profundidade, mas me diverti muito vendo ele e a ideia de termos uma “parede” como adversário dá um novo vigor à saga.

  • El Luchador

    Tô com o Juras e com o Résdsney.
    Rocky 4 é foda!
    HAUEIHUAHUIEHAUIHEUIHA

  • Fábio Lopes

    Juras, antes de tudo, emocionante este Rapaduracast, sou muito fã desta franquia, que podemos chamar de auto-ajuda…rsrsrsrs. Curto muito o time emocional deste e o 99vidas, onde a gente volta a ser criança. Você tentou convidar o Alexandre Ottoni para participar?

  • betotruco

    Gente, não dà pra baixar esse podcast, Rapadurianos…
    Está com bug?

  • Alien

    Stallone em seu melhor https://goo.gl/Ek0Fco

  • José Neto

    BANDO DE FDP, MEUS OLHOS TÃO SUANDO COM ESSE DEPOIMENTO DO FINAL

  • IGOR AZRAK

    O final desse cast foi foda, suei pelos olhos aqui…

  • Diogo Schirmer

    Muito bom! Rocky é Phoda!

  • Talvez tenha sido o melhor podcast que já escutei EVER. E olha que além de ANOS como podcaster (sou “showrunner” do Psych Office, podcast sobre a série Psych), também sou ouvinte assíduo de muitos outros. Mas a simplicidade e a forma como trataram o personagem aqui, nessas imperceptíveis duas horas e meia, fez jus ao que o Rocky merecia.

    Senti falta de comentarem mais sobre a trilha, do porque não gostarem tanto do quinto filme (tá legal, eu gosto), do relacionamento do Rocky com a Adrian, mas eu entendo que discutir apenas um filme já não é fácil… imagina então SETE filmes num podcast só.

    Mas a redenção veio quando começaram a falar de “Rocky Balboa” (2006). Aí até pedra começa a chorar… esse filme representa muito pra TODOS aqui. Sem dúvida alguma. E vocês emocionaram à nós tanto quanto o filme emocionou. Meus mais sinceros parabéns!

    Podem apostar que este episódio entrou pra história e já se tornou cult! Preparem-se pra receber feedbacks dele pro resto da vida, afinal, isso é apenas consequência de um trabalho único e fenomenal.

    Parabéns à todos os participantes! E parabéns ao ouvinte no final. Uma história de superação tão linda quanto à de Rocky, que acompanhamos em sete gloriosos filmes, por mais altos e baixos que a série possa ter.

  • Pimenta Pop

    Após escutar ao programa entendi melhor algumas diferenças entre Rochy e Creed que haviam me incomodado, apesar de ter gostado muito do filme. O diretor de Creed tem sim o direito de dar sua identidade à sua obra. Como sou muito fã do legado de Stallone fui muito saudosista ao fazer minha avaliação. Chorei junto com vocês e no final (após a música). Abraços e muito obrigada pelo podcast.

  • Max

    Que programa mais sensacional, um dos melhores rapaduras, arrepios do início ao fim ouvindo trechos do filme. Fiz um drink (sem alcool) em homenagem ao Rocky, quem animar de assistir: https://www.youtube.com/watch?v=uw0v9Nw0vNo

  • Rafael Pereira

    Cast e elenco PHODA, com PH mesmo em homenagem ao PH.
    Na minha lista pessoal de 9,5 para o filme.
    Áudio do Giovane no final foi a cereja do bolo.

  • Thiago de Melo Costa

    O que foi esse cast minha gente, impossível não suar os olhos em vários momentos.Parabens a todos os participantes.
    Uma pena que a academia não tenha dado as indicações que Creed merecia, mas estaremos todos colados na tv torcendo pelo garanhão italiano e certamente chorando quando ele for discursar.

  • Renato Martins Chaves

    Podcast emocionante, assim como a série Rocky .
    O depoimento no final foi de arrepiar. É incrível como um personagem pode afetar tanto a vida de tantas pessoas 🙂

    Um comentário sobre o Rocky V: apesar de todos os problemas ele tem pelo menos o mérito de ter trazido a série e o personagem “de volta a realidade”.

  • Nina

    Gente, vcs estão cada vez melhores!!
    Não gosto de “filmes de luta”, pq na minha família ninguém era muito fã desse tipo de filme então assistia pouco e sempre de forma superficial, nunca parei pra pensar mais profundamente nas metáforas e nas mensagens das entrelinhas. Porém, depois que vi tantos elogios a esse cast e ao do Bruce Lee nas redes sociais, me libertei das minhas pré concepções e escutei os dois, na sequência. E que coisa linda!!
    É muito lindo ver esses “marmanjos” passando tanta emoção ao falar de um “filme de luta”. E nos mostrando quantas lições podemos trazer pra nossa vida, a partir de um roteiro tão simples, mas cheio de mensagens.

    Muito muito obrigada pela experiência! E vou sair correndo pra assistir Creed no cinema logo!!!

  • Thiago Fagundes

    são 10:22AM, dia 28/01/16, estou trabalhando, escutando esse “cast”, sobre uma das minhas franquias preferidas… me escorreu “suor” dos olhos.sem zoeira. pqp, olha qtas frases de efeito tem TODOS os filmes do rocky… me emocionei .Stallone é foda.

  • Jonatan Rodrigues

    Lágrimas, Lembranças e muita Felicidade e o que esse podcast traz.

  • camatari

    Uma verdadeira aula, este episódio! Poucas vezes vi um tema tão bem coberto e conectado com todos os participantes. Aplaudi, sozinho no carro, no estacionamento da empresa, assim que terminou.

  • João Antônio

    [Aplausos]
    Ouvi este cast no ônibus, no carro e correndo, e ouvia e voltava nos trechos. Um cast de 1h53min levei umas 3h para ouvir e não perder nenhum detalhe. A exemplo do Raphael Draccon que contou sobre o seu avô, semelhantemente, meu tio Nezinho foi a pessoa que fez eu gostar de cinema, principalmente da minha franquia favorita: Rocky Balboa.
    Lembro-me que em uma tarde de sábado do ano de 1997, eu com 14 anos, meu tio alugou as 5 fitas VHS do Rocky Balboa, chamou-me e disse: agora você vai conhecer o Rocky Balboa, meu ator favorito. Assistimos na sequência do I ao V legendado (ele odeia filme dublado),e a partir deste dia passei a gostar de todos os filmes do Rocky. Outro filme do Stallone que marcou minha infância, foi Falcão, Campeão dos Campeões. Foi o primeiro filme que assisti com meu pai. Todas às vezes me emociono, pois sinto a presença de meu pai comigo. Meu pai é caminhoneiro e sempre esteve distante, mas sinto ele perto de mim quando assisto. Meu pai e meu tio assistiram os filmes do Rocky do I ao V no cinema e quando o Rocky passou nos cinemas, fui assistir na estreia. Liguei para meu pai e disse: Pai, também estou assistindo o Rocky no cinema como o sr assistiu.

    O motivo de contar minha história é para mostrar o quanto esta franquia tem significado para mim. Eu admiro o Stallone, pois sua vida pessoal e no cinema, mostra que o quão duro foi a sua trajetória, nunca desistiu e continuou levantando.

    Um agradecimento também para esta equipe maravilhosa. Vocês me fazem rever todos os filmes comentados, pois vocês analisam de uma forma que eu deixo várias coisas passarem. Depois de vocês, eu mudei a minha forma de assistir filmes e séries, sempre tentando pegar as inferências, as indiretas, os easter egg, os significados. A análise que do Raphael Santos sobre a frase do Rocky VI, ao contextualizar o cenário, a rua, a encruzilhada, a maneira de falar, o momento… mano… aplaudi suas palavras e todo este cast.

    Obrigado mesmo, por esta equipe, pelo tempo que vocês se dedicam para trazer este material fantástico para nós ouvintes. Dos 452 cast, já ouvi uns 300. Há uns 5 anos que eu não assisto filmes só por assistir e isso eu devo a vocês.
    [/Aplausos]

  • Wagner CS

    Bruno Costa, sou seu fã ever!

    • Bruno Costa

      Valeu Wagner!

  • Camila Cruz

    Sobre o calção do Adonis, notei que o nome Creed está na frente e Johnson atrás, parece que o nome Creed tá lá pra assombrar o oponente e o Johnson impressionar a platéia. A questão do equilíbrio legado/identidade.

  • Cesar DS9/BSG

    Rocky 4 é um filme contemporâneo e apesar de não ser tão bom quanto os outros, acho algumas criticas sem sentido.

    O Apolo foi lutar contra o Drago porque era um lutador e o sentimento patriota prevaleceu. Apolo não pode ser arrogante, errar? Apolo sempre foi arrogante.

    A mensagem final está de acordo com o pensamento da época. Leste contra Oeste. Querer que um filme em 1985 no meio da era Reagan mostre as virtudes dos russos é ingenuidade e mesmo assim o filme termina com uma mensagem de conciliação entre os adversários.

    Vocês acham mesmo que os atletas da União Soviética tinham a mesma preparação e liberdade que os americanos?

    Como nação, da pra defender a União Soviética? Fala sério né?

    Alguns dos comentaristas se deu ao trabalho de lembrar do episódio do hockey no gelo nas olimpíadas de inverno no inicio dos anos 80, onde jogadores americanos amadores venceram jogadores russos que eram soldados?

    O filme Rocky 4 ataca o sistema soviético, a máquina soviética. Não o povo russo. A mensagem final é clara.

    Rocky 4 veio no time certo e isso só demonstra a capacidade do Stallone de pensar em boas histórias.

    Passar uma mensagem política positiva ao grande público não tem valor?

    O filme começa mostrando os defeitos de ambos os lados, o exagero do espetáculo americano e o sistema rígido e sinistro dos soviéticos e termina mostrando que acima de tudo, os dois lados são formados por pessoas, seres humanos.

    Na época, qualquer mensagem que ajudasse a sensibilizar as pessoas e principalmente os governos americanos e russos era válida. Não se brinca com uma 3 guerra mundial.

  • Antonio Cassio Justino Santos

    Realmente, programa excelente e emocional, tocando nos pontos certos de uma saga antológica e eterna do cinema. Aos que se interessarem, existe um mangá/anime chamado Hajime no Ippo, que bebe MUITO da fonte de Rocky, pois, além da temática de boxe, vemos um protagonista que busca o signfificado de ser forte. Todo o treinamento pré-luta, as próprias lutas, os adversários (muito bem trabalhados, inclusive com um russo que é fabulosamente bem trabalhado), o treinador já idoso, enfim, muitas coisas semelhantes aliadas ao estilo japonês de contar histórias e uma boa dose de humor.

  • Rodrigo Deway Bacelar

    Chorei com o filme e vocês, seus “malditos”, me fizeram chorar com o podcast.
    Já está na minha listinha dos melhores podcasts que ouvi na vida. Veja bem, não é a lista dos melhores Rapaduracasts, mas sim dos melhores de todos ever.

    Parabéns!!!

  • Ighor Bandeira

    uma coisa q n vi ngm falando, é q quando o filme acaba e tem a ultima subida do Rocky nas escadarias do museu, no meio da subida o Adonis pergunta para o Rocky oq acontece quando ele chega no topo, e o Rocky responde:”Vc pensa q vai voar.” vai voar = gonna fly. gonna fly now é o nome da música q toca quando o Rocky sobe as escadarias no primeiro filme da saga.

  • Hislla

    Cadê a versão em Zip? 🙁

  • ChangeOutraVez

    Esse final… Com o testemunho do Geovane Arauja… é para matar a gente mesmo né? Rs. Muito bom esse cast. Entrou no meu TOP5 do rapadura.

  • Obrigado pelo trabalho de vcs! Os olhos suaram aqui tbm. E o que foi aquele áudio pós-créditos? eita!

  • Heitor Lopes

    Caraca, que cast emocionante. Bruno Costa destruiu na participação, com todas as colocações geniais. E cara, obrigado por isso, obrigado mesmo por nos fazer lembrar como o cinema é uma arte incrível! Esse cast já entrou pra história.

  • Elesbão

    Não que vá fazer diferença a informação, mas Rocky, pelo que sei, não foi o primeiro filme a usar steady. E parte da cena final da escadaria está de trás pra frente, pois a filmagem original, com zoom out, não causava o mesmo efeito com a trilha.

    • Rocky foi sim o primeiro filme a usar a Steadycam. O próprio criador da câmera afirmou isso. 😀

  • Tom Tom

    Um dos melhores casts.

  • Luiz Felipe Barreto

    Se o Draccon não falasse em Bruce Lee nesse podcast eu comia meu PC.

  • Thiago Emmanuel Pereira

    cara esse filme… assisti todos, adoro a franquia, e a série Creed, se acontecer a continuação farei questão de acompanhar… e eh como vcs falaram, linfoma é um cancer, forte, e eu tive isso, com 30 anos, e eu me vi nessa batalha no filme, e é como vcs falam suor nos olhos até o momento que eu escrevo aqui, pois ouvi o podcast logo em sequencia de ter assistido o filme. Parabéns seus putos.

  • Lucas Peev

    Ouço o Rapadura Cast há muito tempo, nunca comentei, nunca fui tão fã de Rocky.
    Assisti Creed ontem, me emocionei, e vim ouvir o podcast hoje.
    Gostaria de dizer que este foi o mais emocionante de todos os que já ouvi, e ele só reforça cada vez o meu conceito de que um filme pode mudar a vida de alguém e missão de fazer filmes para o mundo.
    Obrigado pessoal, até mais.

  • Eduardo Urias

    Poxa cara!!! Escorreu suor masculino nos olhos ouvindo esse podcast e relembrando os filmes!

  • silas.
  • Gustavo Teller

    Discordo de quase tudo falado sobre o 5, até prq adoro o filme

  • Luisqe5

    Trailer da série do Rocky (anunciada agora)..

    https://www.youtube.com/watch?v=AD8vDuBTYiU

  • Érika Barros Lorenzetti

    Ouvi o podcast hoje vindo pro trabalho, e claro, chorei horrores.
    Assisti todos os filmes pela primeira no ano passado (sim, me arrependo por não ter visto antes). Concordo com vocês que o 1º e o 6º são os mais incríveis da série. Juro que eu não imaginava que um filme com o Stallone pudesse ser tão humano e intenso.
    Obrigada por incorporarem o espírito Rocky e compartilharem percepções e sentimos íntimos de cada um. Vocês são phoda!
    Melhor podcast ever.

  • Tom Tom

    Um dos melhores casts!!!

  • Beatriz Salustiano

    Ai a pessoa vai escutar o podcast, enquanto trabalha e tem que ficar se segurando absurdamente pra não deixar transparecer o choro…rsrs. Emocionante, incrivel. Mas Rocky é assim. Sempre fortes emoções.

  • Strider_Tag

    Olà galera !
    Ouvi o cast hoje (sim, sei, tô atrasado …). Curti DEMAIS. E ADOREI “Creed”. Vibrei com as lutas, e me emocionei ao ver o Rocky, um idolo de infancia, debilitado com o cancer.
    Outro momento que me marcou foi quando o Adonis Creed recebe o “short de luta” que era do pai dele.

    Pequena curiosidade : vocês se lembram que na época do Rocky 6, saiu um reality show de boxe chamado “The contender” ? (similar ao que é hoje o “The Ultimate Fighter” que passa na Globo).
    Na 1a temporada, o Sylvester Stallone apresentava o programa junto com o “Sugar” Ray Leonard (ex-boxeador). Ainda na 1a temporada, um dos participantes que havia perdido uma luta, por estar passando problemas na vida pessoal, acabou cometendo suicidio. Isso impactou muito a produção (que inclusive amparou financeiramente também a familia dele), e nas outras temporadas (pensei até que tinham cancelado o show depois da 1a …) o Stallone não apresentou mais, restando sò o “Sugar” Ray .

  • Alexson Saintz

    Pensei que só eu chorava vendo e ouvindo sobre Rock. Assistindo Creed, eu chorei 3 vezes no mínimo, exatamente porque consigo perceber as metáforas com a vida que vivemos todos os dias, cheia de desafios que testam os seus limites sem piedade. Toda antologia Rocky está no meu coração! Um forte abraço para todos vocês!

  • DigoRck

    Que podcast maravilhoso, acabei de escutar e não aguentei, acabei encolhido e completamente emocionado. Tiro por mim de vivenciar essa situação de ter alguém com câncer e o quanto isso é duro de passar, perdi duas pessoas especiais (pai e vó) mas o quanto essa franquia tirou de inspiração procuro sempre seguir. valeu a todos por esse cast, participações perfeitas.