Notícias   terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Carrie Fisher, a Princesa Leia da franquia Star Wars, morre aos 60 anos

Atriz morreu nesta terça-feira (27), após sofrer um ataque cardíaco no dia 23.

Carrie Fisher, atriz que interpretou a Princesa Leia na saga “Star Wars“, morreu esta terça-feira (27) aos 60 anos. A notícia foi confirmada à revista People por um representante da família, Simon Halls.

É com grande pesar que Billie Lourd [filha de Carrie] confirma que sua amada mãe, Carrie Fisher, morreu às 8h55 desta manhã. Ela era amada pelo mundo e sua ausência será profundamente sentida. Nossa família agradece pelos pensamentos e orações“.

Fisher foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na sexta-feira (23) após sofrer uma parada cardíaca dentro de um avião, pouco antes de a aeronave, que veio de Londres, pousar em Los Angeles. A atriz estava em Londres para a gravação de sua participação na série “Catastrophe“. Ela atualmente também atravessava uma turnê de divulgação de seu oitavo livro, “Memórias da Princesa: Os Diários de Carrie Fisher“. No livro ela relata um breve caso amoroso com Harrison Ford, que foi seu par romântico em “Star Wars”.

Fisher repetiu sua atuação como Leia recentemente em “Star Wars: O Despertar da Força” (2015), e estava escalada para aparecer no oitavo episódio da série, ainda sem nome oficial, com estreia prevista no Brasil para 15 de dezembro de 2017. A Variety confirmou que ela já havia encerrado todas as suas filmagens para o filme.

Ícone de uma geração

Uma das personagens mais queridas da saga “Star Wars”, a sua Princesa Leia Organa esteve nos três filmes da trilogia original de George Lucas e voltou a estrelar os longas da nova fase (VII e VIII). A personagem faz também uma aparição importante e emocionante em “Rogue One: Uma História Star Wars“, que chegou aos cinemas em dezembro.

Em paralelo à carreira em frente às câmeras, Fisher também atuou como escritora e roteirista. Em 1987, lançou o livro “Postcards from the Edge“, adaptado para o cinema com o título “Lembranças de Hollywood” pelo diretor Mike Nichols, com Meryl Streep e Shirley McLaine nos papéis principais. O livro, de tons autobiográficos, conta a história de uma atriz tentando reconstruir sua carreira após uma overdose.

Repercussão

Mark Hammil, que interpretou Luke Skywakler em “Star Wars”, irmão da personagem Leia:
Sem palavras. Devastado“, junto de uma foto dos dois durante as filmagens.

Debbie Reynolds, mãe de Carrie Fisher, atriz e cantora:
Obrigado a todos que abraçaram os dons e talentos da minha amada e incrível filha. Estou grata por seus pensamentos e orações, que agora estão a guiando para sua próxima parada. Com amor, a mãe de Carrie“.

Harrison Ford, que interpretou Han Solo em “Star Wars”:
Carrie era única… brilhante, original. Engraçada e emocionalmente corajosa. Ela viveu sua vida bravamente. Todos vamos sentir sua falta”.

George Lucas, criador de “Star Wars”:
Carrie e eu fomos amigos na maior parte de nossas vidas adultas. Ela era extremamente esperta, uma atriz talentosa, escritora e comediante com uma personalidade colorida que todos amamos. Em ‘Star Wars’ ela foi nossa grande e poderosa princesa – briguenta, esperta e cheia de esperança em um papel que era mais difícil que muita gente imagina. Meu coração e orações estão com Billie, Debbie e toda a família de Carrie, amigos e fãs. Sua falta vai ser sentida por todos“.

Dave Prowke, ator que interpretou o vilão Darth Vader em “Star Wars”:
Estou extremamente triste em saber da morte de Carrie. Ela era maravilhosa para se trabalhar junto. Condolências para seus amigos, família e fãs pelo mundo“.

Peter Mayhew, ator que interpretou o Chewbacca de “Star Wars”:
Não há palavras para essa perda. Carrie foi a estrela mais brilhante em cada sala em que entrou. Eu vou sentir sua falta“.

Anthony Daniels, ator por trás do robô C-3PO de “Star Wars”:
Apesar de tantos pensamentos e tantas orações de tantos“, disse, completando: “Estou muito triste“.

Billy Dee Williams, que interpretou Lando Calrissian em “Star Wars”, escreveu:
Estou profundamente triste com a notícia da morte de Carrie. Ela era uma querida amiga, que eu respeitava e admirava muito. A força está negra hoje”.

O ator William Shatner, que interpretou o Capitão Kirk em “Star Trek”:
Eu estou profundamente triste em saber da morte de Carrie Fisher. Vou sentir falta das nossas brincadeiras. Uma luz e um maravilhoso talento foram apagados“.

Whoopi Goldberg, atriz:
Carrie Fisher morreu, ela era mais engraçada e esperta do que qualquer pessoa tem o direito de ser“.

Anna Kendrick, atriz:
Não, não (…) Carrie Fisher é uma lenda (…)“.

Patton Oswalt, ator e comediante:
2016 uma pegadinha inútil e cruel“, disse. E completou: “Descanse em paz, Carrie Fisher“.

Jon Favreau, diretor:
Um dia tão triste para sua família, amigos e milhões de fãs. A falta de Carrie Fisher será profundamente sentida.

Halsey, cantora:
Carrie Fisher dedicou sua plataforma à consciência sobre saúde mental e o empoderamento feminino. Ela é um motivo e uma lembrança para continuar a luta. Descanse em paz“.

Arthur Yoffe
@rapadura

Compartilhe

Saiba mais sobre


Notícias Relacionadas


  • José Almeida dos Santos

    Lamento profundamente e choro… As decepções causadas pela humanidade me levaram a não ter muitos amigos, mas como preciso deles, elegi algumas centenas nos gibis, na literatura, no teatro e no cinema. Ela era a pessoa por trás de uma grande “amiga”, a eterna princesa Léia… Em 1977 assisti “Uma Nova Esperança” 33 vezes, alguns dias entrando no Cine Ipiranga, em São Paulo, na primeira sessão e só saindo depois da última… Muito carinho, muito amor, por ela e pelos demais… É mais uma estrela que se apaga na minha constelação de “amigos”. Adeus Carrie, adeus Léia… Amo vocês.

  • Deivi Pazos

    Muito triste . Depois dos relatos que ela tinha melhorado ,fiquei despreocupado pensei que o pior tinha passado , mas hoje a tarde recebo essa noticia devastadora.