Críticas   segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Polícia Federal: A Lei é Para Todos (2017): um erro não justifica o outro

Será que precisávamos de um longa sobre a Operação Lava-jato enquanto ela ainda acontece?! O filme escolhe rapidamente o seu lado.

Não há o que refutar, “Polícia Federal: A Lei é Para Todos”, apesar da negativa de seu diretor Marcelo Antunez (“Um Suburbano Sortudo”), é um filme político sim. É um longa que escolhe um lado e que utiliza todos os artifícios estéticos e narrativos para defender a sua posição. Contanto, fazer um filme político não é errado, irresponsável ou ilegal, vários longas importantes da história do cinema já fizeram isso, porém travesti-lo de longa ficcional, com alto foco em ação e não sendo claro quantos aos seus objetivos, isso pode sim ser considerado errado.

A trama fala sobre a operação lava-jato e seus desdobramentos, desde a apreensão de um caminhão repleto de drogas, à ligação dessa carga com doleiros já conhecidos da justiça e, consequentemente, à uma das maiores organizações criminosas que já foram deflagradas no mundo, com a participação de executivos de empresas de construção, estatais e políticos de praticamente todos os partidos. Um dos grandes deméritos da fita é que o foco da narrativa recai totalmente nos policiais federais integrantes da força tarefa que investiga, planeja e executa as fases da operação; no filme, são personagens baseados nos profissionais reais.

Existe um cuidado muito maior no desenvolvimento deste núcleo, afinal sabemos muito mais sobre a vida pessoal deles e de suas enormes provações para executar seus objetivos profissionais, em detrimento dos individuais. Um exemplo é o policial Julio Cesar (Bruce Gomlevsky, de “Elis”) que, além de investigar e coordenar as ações do grupo na operação, ainda precisa cuidar de sua mãe doente e também argumentar ideologicamente com seu pai, quem possui uma viés político “contrário” às suas ações na polícia. Entretanto, o núcleo dos “investigados” fica totalmente relegado e todos são retratados como meros arqui-inimigos de cartoon barato. Chega a ser hilária a construção de um grande vilão, uma espécie de “Darth Vader Tupiniquim”, com a figura controversa do ex-presidente Lula. Até as já conhecidas e inconvenientes piadas do velho político, aqui são retratadas como esporros e agressões perigosas aos arautos da lei.

Para nos levar no meandro dessa complicada empreitada e também para retratar personagens que nós conhecemos muito bem, já que estão por aí a todo momento nos noticiários brasileiros, era preciso recrutar um bom elenco que conseguisse suprir essa carga dramática e que ainda pudesse trazer uma certa autenticidade dos seus pares “reais” para a tela, e nesse quesito o filme também falha. Somente Antonio Calloni (“Faroeste Caboclo”) consegue dar alguma alguma dignidade ao seu personagem, o Ivan Romano, chefe da operação. O resto das interpretações beiram o ridículo… beiram não, porque o desempenho do grande ator Ary Fontoura (“Meu Amigo Hindu”) pode facilmente ser colocado no rol das piores retratações da história do cinema, como, mais um vez, o ex-presidente Lula. Outro que se destaca negativamente é o também já citado Bruce Gomlevsky, com uma atuação visivelmente acima do tom e, já que seu personagem é o mais desenvolvido, fica ainda mais claro o overacting sumário. Principalmente nas cenas de destempero – quase todas!

Trazendo algumas boas composições de cena e até uma bem vinda condensação da trama rocambolesca da operação real, que nos traduz com simplicidade e agilidade as vicissitudes das maracutaias empresariais e políticas do nosso país, Antunez se esforça, mas não consegue se desvencilhar dos chavões. Ele tenta, a todo momento, ostentar um suspense forçado e artificial, como na cena em que os policiais adentram à casa de um empresário, naquela hora uma grande ameaça. A cena é acompanhada de trilha aflitiva, chata e invasiva, até para acompanhar a captura de um mero telefone celular que “repousa” no banheiro.

Obstante de toda a polêmica gerada por retratar algo que ainda está ocorrendo e mesmo, relutantemente, não levando em consideração toda a carga político-partidária que o longa traz, “Polícia Federal:A Lei é Para Todos” ainda não se sustenta como filme. Não diverte, não informa e não surpreende. Agora, optando por mostrar tudo por um única orientação e não admitindo isso, os produtores e os “investidores secretos” do longa podem confundir o espectador, que consequentemente pode entender a história do filme como a verdade absoluta. E não é uma cena pós-créditos, ou um discurso pronto para entrevistas que irá mudar isso.

Rogério Montanare
@rmontanare

Compartilhe

Polícia Federal: A Lei é Para Todos (2017)

Polícia Federal - A Lei é Para Todos - Marcelo Antunez

Inspirado em fatos reais sobre a Operação Lava-Jato, uma série de investigações sobre a corrupção no Brasil, desde o início do processo até a condução coercitiva do ex-presidente Lula. Marcelo Serrado interpreta o juiz Sérgio Moro.

Roteiro: Thomas Stavros, Gustavo Lipsztein

Elenco: Marcelo Serrado, Ary Fontoura, Flávia Alessandra, Bruce Gomlevsky, João Baldasserini, Rainer Cadete, Roberto Birindelli, Leonardo Franco, Adélio Lima, Roney Facchini, Tadeu Aguiar, Leonardo Medeiros, Juliana Schalch, Sandra Corveloni, Samuel Toledo, Cris Flores, Iaçanã Martins, Genésio de Barros, Laura Proença, Beth Zalcman

Compartilhe


  • Rafael Poggi

    Eitcha!!! Então o crítico destruiu o filme por conta de sua clara posição político/panfletária?

    • Bernardo Felsenfeld

      Não, ele simplesmente mostrou a clara posição político-panfletária do filme.

      • Bernardo Felsenfeld

        A LEI NÃO É PARA TODOS. A cada dia isso fica mais e mais claro. Vivemos no pais da hipocrisia

        • Rafael Poggi

          A lei é para quem então? Estamos vendo uma ação sem precedentes na história MUNDIAL onde até ex-chefes de estado estão sendo investigados (e se Deus quiser condenados e presos). Ou você vai dizer que a LAVA-JATO é mera perseguição política a serviço da CIA? Fala sério…

          • Deivid

            Quando você me disser pelo menos um político do PSDB condenado e preso na Lava-Jato, aí sim, concordarei que a lei é para todos.

          • Rafael Poggi

            Ah, então se não prender ninguém do PSDB não pode prender ninguém, não é mesmo? Que lógica estupenda! Então se duas pessoas cometerem assassinato e a policia conseguir prender só uma delas, vai ter que soltar porque a outra não presa também? #tasertu Que lógica de FLAxFLU mais imbecil. Só falta você dizer que Lula, Cabral, Cunha e cia. estão sendo perseguidos, que são inocentes…

          • Deivid

            Nenhum desses que você citou são inocentes, mas a mídia da tanto destaque quando a operação atinge pessoas como o Lula, que soa um tanto estranho não?, Moro tava se lixando sobre as primeiras delações que citavam Temer, Aécio, Serra, Alckmin, mas quando falaram sobre o Lula, tudo virou espetáculo midiático. Não sei se você assiste os jornais da Globo, se sim, observe o tempo que dão quando a reportagem é sobre gente do PT, e quando é para denunciar o PMDB-PSDB, Já vi uma reportagem em que deram 1 hora só para falar do Lula, e uns 15 segundos sobre o PMDB, isto é ser imparcial?

          • Rafael Poggi

            Que tal você enxergar isso como uma grandessíssima possibilidade (algo em torno de 99,9%) de Lula ser realmente o cabeça por trás de todo esse esquema? É ou não é para dar destaque quando algo sobre ele, seja uma nova denúncia, seja uma condenação, vir na mídia? Cara, o Lula e o PT estão no olho do furacão porque eram quem estavam mandando nessa bagaça nos últimos 13 anos!!! Por tudo isso, eu acredito que ele seja sim culpado (e olha que votei nele em todas as vezes em que se candidatou a presidente!).

            Agora, estamos falando aqui de um filme. Eu assisti esse filme. Você assistiu? Se assistiu, vai ter que concordar que o filme não é sobre o Lula, muito menos sobre o Moro (que parece até um banana nas cenas em que aparece!). O filme é sobre uma força-tarefa que está investigando há 4 anos quase o maior esquema de corrupção no mundo! Esquema esse que envolve os altos escalões do governo. Foi mal, cara, você pode achar que foi golpe, que Dilma fazia um excelente governo, que Lula é o homem mais honesto do Brasil. Pode até achar que o PT está sendo perseguido politicamente (e se está, bem feito, fez por onde). Mas não pode tirar conclusões sobre um filme sem te-lo visto.

          • Deivid

            Não me referia a perseguição por parte do filme, e sim da mídia em geral, sei que Lula não é 100% inocente, afinal nenhum é, e em relação ao Governo Dilma, não achei nada excelente, muito pelo contrário, eu era até oposicionista as políticas dela, e até cheguei a pensar que Impeachment era a solução menor pior para crise, agravada em 2015. E o poder de Lula com os congressistas era muito limitado, em razão do PT ser atualmente, minoria nas duas casas legislativas, se tivesse tanto poder, compraria Deputados e Senadores, para votarem contra o Impeachment, e não o fez, por não ter influência sob eles, Lula jamais ia querer que o PT saísse do poder nem tão cedo. Mas entre o grupo PMDB-PSDB e PT, acho o petismo menos pior.

          • Ka

            Não estou te zuando, te contestando ou provocando por sua posição política. Estou mesmo interessada na sua opinião.

            Você percebe o show midiático imparcial em torno do PT/Lula/Corrupção, certo? E disse no comentário que chegou a pensar que o impeachment era a solução, correto? Minha pergunta é a seguinte: Como vc conseguiu se convencer de que o impeachment era a solução? E como lidou com a imparcialidade pra estabelecer essa ideia?
            Desde o começo, quando apareceram com essa ideia, enfatizaram a corrupção. O foco era tirar a Dilma pq ela era corrupta (aparentemente é a única no meio político que de fato é inocente, olha que ironia). Na época eu ri. Achei que não ia pegar, afinal de contas brasileiro sabe desde criancinha que não existe político honesto. Sempre foi um bordão nacional, um conhecimento público, assunto de piada. Quando me dei conta a população tinha comprado a ideia. Tava todo mundo repetindo o mantra e milagrosamente esquecido a máxima”todo político é corrupto”. E o que é pior, estão fazendo isso até hoje. É uma especie de transe coletivo que impede o povo de ver o óbvio, e tenho que admitir, fico fascinada em ver isso acontecendo com tantas pessoas ao mesmo tempo. Achava que isso só era possível com a religião e pq ela traz consigo a ideia do divino. Sempre li sobre manipulação em massa e blábláblá, mas ver isso acontecendo foi surreal.
            Sempre que pergunto, mesmo às pessoas próximas, a reação são esquivos e os famigerados xingamentos. Então por favor, me conte como foi a sua experiência. Me diga o que passou na sua cabeça quando viu a pessoas marchando nas ruas com um lema tão genérico e uma finalidade tão perigosa.

          • Deivid

            Vou retornar um pouco no tempo para explicar meu entendimento em relação ao Impeachment, iremos em partes:

            Em Dezembro de 2014, o Brasil obteve a menor taxa de desemprego da história: 4,3% segundo o IBGE, coincidência ou não, foi o último ano em que Dilma teve ”governabilidade”, a grande maioria da população ainda estava satisfeita com o Governo, prova disto, é que ela venceu a reeleição, mesmo a mídia apoiando em PESO o candidato Aécio, até aí, eu era oposicionista. E pensei na cabeça: ” Serão mais 4 anos de PT.”
            Em Janeiro de 2015, percebi que a mídia começou a ”atacá-la” mais do que em 2014, Quase todo dia tinha uma noticia negativa sobre a Dilma na televisão, aconteciam coisas pesadas mundo afora, mas o foco da mídia era o PT, e isto com a finalidade de criar uma atmosfera nacional anti-Dilma para a população, e assim aconteceu.
            Então grupos que se diziam ”apolíticos” como o MBL, criaram os protestos usando a mídia a favor deles, Na época, eu não sabia que quem financiou os protestos foi o PMDB, que já conspirava internamente para derrubar a Dilma, o próprio Cunha confirmou isto, aliás ele esta preso mesmo, e não tem nada a perder.
            Mas foi aí que as coisas começaram a ficar estranhas na minha cabeça: Cunha aceitou o Impeachment, justo no dia que o PT votou pela investigação contra ele no Conselho de Ètica, eu ainda era oposicionista, mas me veio a mente uma única palavra: Vingança, A imagem de Dilma já estava desgastada, e salvar Cunha, faria as pessoas acreditarem que o PT é o ”principal e único corrupto”(soa familiar?) Daí eu pensei, ” Dane-se todos eles, a Dilma não faz falta” Eu reconheço meu erro e sei que eu não deveria ter pensado assim, mas após a chegada de Temer ao poder, fui mudando os meus pensamentos, percebi que tudo não passava de uma conspiração só contra o PT, e não contra a corrupção, E foi depois de tudo isto, que notei, que o maior pecado de Dilma, foi não ter se aliado ao PMDB, Ela tinha duas opções: o certo e o errado, escolheu fazer a coisa certa, mas sofreu a consequência por desobedecer os poderosos.
            Eu li todos os seus comentários, e achei os mais inteligentes no meio desse analfabetismo político total daqui, salvo raras exceções. Consegui te passar mais ou menos a ideia? Hoje eu sei, que essas pessoas foram e ainda são, massa de manobra, uma escada da Elite para perpetua-se no poder.

          • Ka

            Passou sim, obrigada 🙂

      • Rafael Poggi

        Sim, ele mostrou e pela crítica não gostou. Foi o que eu disse.

  • Danilo

    Pra mídia parcial Filme sem lei Rouatnet Não presta

    • Cido Marques

      Não tem lei Rouanet mas tem lei do audiovisual, que também usa dinheiro público.

  • Cido Marques

    Deve ser o novo filme escolhido pelos coxinhas golpistas para representar o Brasil no Oscar…já não bastasse aquele filme O Pequeno Segredo que nunca ganhou nada de tão ruim.

    • Gabriel Felipe

      O Filme inteiro é baseado em fatos reais, e pelo o que podemos perceber o que realmente representa o Brasil é a corrupção, e isso nunca vai mudar se existirem pessoas como você, com pensamentos tão pobre, se informe antes! Eu tenho 16 anos e já sei o que é certo e errado.

      • Allan Bispo

        Gabriel seu pai deve ter muito orgulho de você. Apesar de ser um garoto de 16 anos de idade, você tem muito, mas muito mais maturidade do que muitos outros que sabem de tudo que acontece de futebol no mundo todo, mas pra ele a lavajato é o lavador de carros ali na esquina. Sao jovens como você que podem ajudar a mudar esse pais.

        • Cido Marques

          Ser baseado em fatos reais não faz o mesmo ser fato real, quase todos os filmes de terror colocam que são baseados em fatos reais, acredita em fantasma, zumbi, vampiros também seu coxinha de 16 anos? ou só na Globosta mesmo?

          Já não basta acreditas nas notícias da mídia vendida, agora estão acreditando em filmes também…é pra acabar.

          • Rafael Poggi

            Caro PTista, você conhece o garoto Gabriel e sua família para sair atacando-o gratuitamente? Política não é FLAXFLU não, cara. Cresce.

          • Moacir

            BLA BLA BLA.. Vai pra Cuba o demente.

    • Allan Bispo

      Amigo você assistiu ao filme? Ou se deixou levar pelos gênios da comunicação que estão por traz tentando embaçar essa obra que considero uma aula de moral civismo?
      Sinceramente acho que os únicos que devem estar odiando esse filme são os antagonistas desse pesadelo que o Brasil vive ou seus afiliados.

  • Carlos Marcio S. Alves

    Não assistir o filme ainda… sempre uso os comentários desse portal como parâmetro para saber se vale a pena ou não assistir… Pelos relatos do crítico o filme é uma merda: “O resto das interpretações beiram o ridículo”, “trama rocambolesca”, “não se sustenta como filme”, etc.
    Pergunto: É ruim mesmo? ou… É um comentário político de um filme político?

    • Allan Bispo

      Pelo amor de deus meu amigo. Nunca, mas nunca tome conclusões baseadas nas opiniões alheias. Por conta da crítica negativa de alguns alienados, quase não assisti ao filme, mas como profissional de audiovisual fui assim mesmo. Como eu me arrependeria se não fosse.
      Me desculpem os profissionais, mas eu tenho uma definição muito pessoal sobre críticos de arte em geral: Grande maioria são artistas que nunca realizaram nada e por frustrações pessoais vivem expondo suas opiniões pessoais esquecendo da responsabilidade ética do que publicam. Muitas obras as vezes fracassam por conta dessas opiniões levianas.
      Não existe obra de arte ruim, mas sim o admirador errado.
      Não é porque um sapato que aperta meu pé não servirá para ninguém.
      Todo brasileiro que tem noção da sua participação na sociedade tem que assistir esse filme.

      • Allan, eu não concordo, mas respeito sua opinião. Agora sabe o que eu não entendo? Se você acha que críticos são pessoas frustradas e de mal com a vida, porque então você os lê? Quando eu não gosto de algo, me mantenho o mais longe possível disso… acho que você poderia ser bem mais feliz assim. Se não quiser, tudo bem, nós continuamos felizes com seus cliques! Um abração!! PS: ah… nem o diretor do filme concorda com a sua retórica, já que quando eu o entrevistei, ele enfatizou que o longa é só uma peça de ficção com toques de realidade.

        • Katia Barga

          Verdade, ouvi a entrevista, eles dizem isso mesmo.

    • Isis Coutinho

      Bom, até agora eu não vi uma crítica positiva a respeito desse filme. Será que todos os críticos brasileiros são petralhas e comunistas?. Se alguém encontrar uma crítica que fale bem técnicamente (roteiro, atuações…) desse filme, favor me enviar o link.

      • Marcelo José Bianchi

        Pode usar microscópio nuclear e ainda assim não irá encontrar críticas positivas ao filme.

  • Katia Barga

    Rogério só digo <3

  • Allan Bispo

    Desculpem, mas qualquer crítica negativa a essa obra que não é um filme, e sim uma aula de moral e civismo, soa para mim como uma total ignorância da realidade dos fatos que o brasileiro vive. Como diretor cinematográfico e roteirista por profissão, digo que cinema não é só para entreter e agradar cineastas frustrados, mas informar e transformar. Policia Federal tem a capacidade de despertar um sentimento que nós brasileiros nunca tivemos: “Esperança de que nós podemos mudar uma realidade que nos acompanha desde nossa colonização. O filme contagia com honra e honestidade que o assiste.

    • Jhon Anderson

      Vc e porra nenhuma dessas coisas! Ou é tão lunático que a única bosta que já dirigiu foi um vídeo de animal pelo seu celular. Diretor ahhahaha que diretor ia falar bem desse file, larga de ser mentiroso.

    • Marcelo José Bianchi

      Energúmeno. Vai junto com Bostanaro bater continência a bandeira americana, e Malafaia caçar rolas.

  • Allan Bispo

    “Será que precisávamos de um longa sobre a Operação Lava-jato enquanto ela ainda acontece?! ” Precisamos e muito, principalmente num país onde só se fala em futebol e vendem seu voto por um jogo de camisas e uma bola.
    “…O filme escolhe rapidamente o seu lado.” O filme escolhe o lado do povo brasileiro que não aguenta mais ser roubado. Qual lado você está? Só está contra que vive as custas desse câncer que adoece o nosso povo.

  • André Krauss

    Perfil do “critico de cinema” cheio de imagens “não vai ter golpe” “moro golpista” entre outras bizarrices. Alguém leva a serio esse cidadão?

  • Jerry Bolado

    Se a pessoa não gosta do filme logo é taxado de petista.
    Esse filme não tem polêmica alguma, vc pode ser coxinha, esquerdopata, ateu ou alienígena, se trata apenas de um filme policial ruim, que parece uma novela tosca da Record. Como já foi dito na critica, personagens que parecem saídos de um desenho animado ou hq ruim.
    Assistam esse filme e Bingo O Rei das Manhãs, a diferença de qualidade é gritante.

  • Paulo Arthur Castilho

    Deixa ver se adivinho …. Rogério Montanare achou o filme “Lula, o filho do Brasil” a maior obra cinematográfica da história?

  • Paulo Arthur Castilho

    Eu realmente queria muito que o pessoal de esquerda tivesse seu próprio país. Onde todos poderiam ser funcionários públicos concursados ( mesmo os que não passarem no concurso – reserva), onde poderiam implantar seus ideais de igualdade. Onde todos seriam trabalhadores, todos seriam presidentes, todos teriam um só sexo, todos comeriam a mesma comida, cultivada pelo estado (não por eles), todos vestiriam a mesma roupa, dormiriam e acordariam na mesma hora – para não causar inveja.
    Um mundo sem desigualdades, onde ser inteligente ou bonito seria um crime contra a coletividade.
    Assim mostrariam ao mundo como se faz um país de verdade e como chegar a Miami de jangada.

    • Catherine

      A gente também queria o nosso país, sem Moro inflável e carinho no Temer só porque, apesar de Corrupto, ele tirou a Dilma.

  • Jhon Anderson

    Essa bosta desse filme só não consegue ser pior que os comentários.
    O outro ali disse que o filme é um obra real hahah obra real kkkkkkkkkkkkkk
    O povo tá louco nas drogas políticas vei. Dizer que esa bosta é boa, só pra não dar apoio a uma ideia de “esquerda” é loucura! Esses caras já estão loucos já, ja tá na cabeça. Se tu diz que o filme é ruim, coisa que ele supera em ser, o povo já te chama de petralha, de esquerdista hahahahh isso é loucura e precisa de tratamento urgente!
    Lunático entendam O FILME É UMA BOSTA! Quer serja um filme da esquerda ou direita.
    UMA BOSTA!

    • Lucas Caetano

      Se vc não tivesse um pensamento esquerdista eu até poderia levar seu comentário a sério

  • Betotruco

    Pô!! Até aqui esta discussao ridicula por causa de opinião!?
    Até qdo essa estupidez de PTralhas x Coxinhas!?
    Até quando para perceber que há corrupção, omissão, canalhice e ladrões dos 2 lados!?
    Não se separa ladrão como de “esquerda” ou “direita”! É tudo vagabundo!

    Agora 2 verdades, fatos, provados e comprovados: O PT institucionalizou a corrupçao no país!! Nunca se roubou tanto quanto nesse governo maldito! E pior: foram tão incompetentes e imbecis que tomaram uma rasteira do vice, representante do partido mais fisiológico de que se tem notícia: o tb maldito PMDB cujos maiores líderes estão sempre acusados e investigados de tudo quanto é tipo de crime de corrupção!!

    Já o PSDB foi tão omisso e ridículo que não prestou nem para fazer oposição e tem se descoberto cada coisa de sua liberança!! Principalmente do netinho de vovo em que claramente está gravado que pode mandar matar primo!!
    Fora construir pista clandestina em terreno de avô para pousar sabe-se lá o que tipo de avião e que tipo de carga… Ou seja, já se sabe né!?

    Ou seja, está tudo ERRADO!! TODOS sem excessão fomos ludibriados!

    E com isso surgem aventureiros retrógados e populistas como essa aberração chamada Bolsonaro!! Um atraso de ser humano que acha que mulher feia “não merece nem ser estuprada” e quer voltar com o regime militar, outro tipo de governo corrupto (vide as concessões absurdas que duram de décadas até hj) ainda são incompetentes!

    Ao invés de ficar discutindo, pq os 2 lados estão errados, vamos tomar vergonha na cara, amadurecer e votar direito!!
    Não ha outro caminho! Não é pela cisão, é pela união!!

    • Ka

      “O PT institucionalizou a corrupçao no país!”
      Claro. Agora joga “Janio Quadro Jingle” no google e descubra sobre o que foi o slogan de campanha de 1960. Spoiler: Sobre a corrupção que vc jura ter sido institucionalizada pelo PT (que aliás, surgiu só em 1980).

      • Betotruco

        Corrupção SEMPRE houve neste país !! Desde 1500!!
        Agora, não seja ingênua em acreditar em um partido!
        Especialmente um tão corrupto e incompetente que foi chutado do poder e traído por um vice tão sujo e corrupto quanto!!
        O PT institucionalizou sim a corrupção qdo vc descobre o absurdo de terem diários e livros caixas de propinas!!
        E isso, não sou eu que estou escrevendo!! São PROVAS em processos penais!!
        Ou vc acha que nesse país um MINISTRO iria pra cadeia como foi, sem provas absolutas de que ele é culpado!?
        Acorde!! Pare de defender qualquer “P” !!
        São todos formados por canalhas que NÓS colocamos lá em cima por ação ou omissão e temos a OBRIGAÇÃO de tirá-los de lá na próxima eleição!

        • Ka

          Se não é falta de informação, então o estrago já está feito. Pode ir com a manada.

          • Betotruco

            Muito pelo contrário!!
            É na união por um voto mais consciente que está a solução!!
            Se eu fizer parte de uma “manada” que consegue enxergar tudo o que tem de podre no seu partido preferido e em todos os outros, serei feliz!!
            Como te escrevi antes, são todos fatos!! Não há invenção, “conspiração”, campanha de desinformação da população…
            SÃO FATOS!!
            Se vc quer continuar a se iludir é problema seu…
            É uma pena! Vc parece apaixonada e interessada pelo assunto, o que é raro hj em dia…
            Mas como na maioria das paixões, está com um venda nos olhos e algodão nos ouvidos!

          • Ka

            Amigo, para. Não estamos falando de partido. Estamos falando de ideias.
            Ou

            – O brasil é corrupto desde de 1500.

            OU

            – O PT institucionalizou a corrupção.

            Uma verdade anula a outra. Ou a corrupção sempre existiu, ou um partido especifico a trouxe para a política.
            O PT é muito corrupto, assim como os demais partidos. Essa ideia de quem foi o PT que a institucionalizou é conversa pra boi dormir. Pensa. Para tudo e pensa. Pq a mídia faz tanta força pra que essa ideia pegue? Pra que a massa se convença disso e não perceba que a corrupção é endêmica e antiquíssima. Assim, cortam uma ou duas cabeças, deixam a boiada feliz e continuam roubando. Afinal, “a culpa é do PT”.

          • Betotruco

            Mas mulher!! Ou vc não leu direito o que escrevi ou está mesmo em negação!!!
            Claro que eu e nem uma pessoa em sã consciência culpa somente o PT!!
            Até porque, por exemplo a estrutura do Mensalão existia desde o Governo do PSDB ou até bem antes!!
            A porra da questão é o PT entrou no governo com maioria no congresso, apoio popular total e além de não ter feito NADA pra mudar isso, ainda AUMENTOU o esquema!!
            Isso não foi só a “mídia” (ó grande carrasca manipuladora), e sim os órgãos da justiça PROVARAM e COMPROVARAM!!
            Então, “menas” com esse discursinho de mídia isso, mídia aquilo!
            Volto a dizer, HÁ PROVAS não é só “li ou ouvi dizer”!!
            Procure saber para não ser manipulada como vc está sendo e pior!! Apontando o dedo de que EU sou o manipulado!!
            Pensa com vc mesma se valeu a pena toda essa “inclusão” social e programas sociais a custo de tanta corrupção e canalhice…
            Tudo pra cair na mão desse canalha do Temer que quer exterminar todos os nossos benefícios e ainda vamos pagar a conta com aumentos diversos!!
            Temer É SIM CULPA DO PT!!

          • Ka

            Bom, se você não percebe o empenho e a manipulação midiática pra culpar uns poucos, dar um certo senso de justiça pra massa, e continuar com o mar de corrupção, então não temos mais o que conversar.
            Continue com seu discurso de “PT institucionalizou a corrupção” e colabore com quem quer dobrar a boiada.

          • Betotruco

            Qdo vc começa a culpar uma “mídia” covarde, incompetente que escreve para uma maioria absoluta de iletrados, que estão somente a fim de curtir Youtubers e o novo clipe da Anitta e que nem tão aí para qualquer notícia relativa ao país, então realmente não vale a pena continuar a conversa mesmo!!
            É fácil culpar a mídia, todo mundo menos nós mesmo por termos colocado estes canalhas no poder…
            Assuma suas responsabilidades e pare de culpar a “mídia”!
            Não há leitores de jornais, livros ou até revistas suficientes para que se culpe a mídia por manipulação…
            O brasileiro mal sabe o que acontece no país dele se não assiste o JN que além de ser um programinha COVARDE, que JAMAIS emite opinião, só informa as pautas do dia…

          • Ka

            Novamente, não estou escolhendo lados. Estou te alertando que esse grito é comum em meio ao povo desinformado, e que ele não foi concebido inocentemente. Quando você, que é uma pessoa com um pouco mais de senso crítico e informação, junta sua voz ao corro, corrobora, mesmo que sem intenção, com a mídia.
            Precisamos matar essa ideia de que a corrupção nasceu com o PT, ou vamos ver a massa, que é quem realmente elege governantes, colocar outros corruptos no poder. E o que é pior, inflados de orgulho acreditando ter “acabado com a corrupção”.

          • Deivid

            Até que enfim alguém comentou alguma coisa decente, no meio de tanto analfabetismo político, ter uma opinião sensata como a sua é para poucos.

  • RENATO

    De onde surgiu este tal de Rogério Montanare??? Fala sério… Tem toda a pinta de ser membro da igreja do 9 dedos.

  • Davos, o lord cebolito!

    Gostou muito das criticas do Montanare, porém eu realmente queria ver o ponto de vista do Siqueira pra esse filme. Por ser advogado, entende? Só por isso. Excelente texto mais uma vez, Rogério, parabéns! Sensacional !

  • Juan Angelo dos Santos

    Só vi nos comentários as pessoas falando que o critico é petista, por isso não gostou do filme… Ninguém nos comentários analisa a obra cinematográfica, se o filme é bem dirigido, se as sequencias são boas, se tem bons diálogos e se o elenco faz um boa atuação. Só por isso acho que o filme deve ser ruim mesmo.

  • Rodrigo

    Ok. Só não entendi porque o filme teria que ter dois lados já que se trata de um filme sobre a ação da Polícia Federal na Lava Jato. Nesse caso só existe um lado, meu caro, o da lei. Espere pelo filme que mostre o lado dos bandidos. Certamente sua crítica será melhor.

  • Deivid

    Falou o pobre de direita…

  • Allan Lopes

    onde posso assistir o filme ?

    • Gyselle P. Teixeira Correia Li

      No cinema.

  • Thiago Datto

    O perfil do cara no face é puro foto de nao vai ter golpe, volta dilma, fora temer, sergio moro golspita.
    Tá explicado pq deu essa nota pro filme.
    Tenho ctz q esse filme deve ser bom.
    Petista sem vergonha safado.

    • Seu Toba de férias

      po entao usando essa mesma analogia pra vc esse filme.deve ser tao politico como um Z de costa gravas, e tao bom quanto um jfk de oliver stone, e seu face deve estar cheio de fotos do dracula brasileiro salvador da pátria.

  • Gyselle P. Teixeira Correia Li

    Filme está sendo um sucesso, tem a melhor estreia para um filme nacional, logo a continuação deve ser anunciada.

    • Seu Toba de férias

      uma prova que o brasileiro classe media que frequenta cinema continua muito burro

      • Seu Toba de férias

        uma pena um projeto assim ter folego pra atrair público e grana pra bancar outros e diretores de muita qualidade sofram pra conseguirem produzir e distribuir seus filmes.

  • IGOR AZRAK

    Oh filme ruim, gosto de filme policial, mas esse é intragável.

  • Rômulo Oliveira

    LoL 2 nesse e 8 no Lula, o filho do Brasil. auehuahaeuheueahuehueha dois filmes bostas sobre propaganda partidária e duas notas bem diferentes. Parabéns Rapadura.

  • Raphael

    2! Eu não to acreditando! Vc ta de sacanagem Rogerio? Depois que vi o seu podcast com o elenco acreditei que você seria justo, O filme é ótimo, nem parece nacional… Ah desisto desse site.